Archive for the ‘Futebol Brasileiro’ Category

Gre-Nal 384: Primeiro Clássico “Internacional” – Imortal Banguzinho 2×1 Inter B

janeiro 31, 2011
Bruce Lins (apelido dado pela torcida gremista ao jogador) aproveitou a única chance que teve para decretar a vitória gremista no Gre-Nal 384. FONTE: Valdir Friolin

Bruce Lins (apelido dado pela torcida gremista ao jogador) aproveitou a única chance que teve para decretar a vitória gremista no Gre-Nal 384. FONTE: Valdir Friolin

O Inter B se reapresentou em dezembro de 2010. Todos os profissionais do Grêmio se apresentaram há 24 dias atrás. O Inter B estava com mais ritmo de jogo, mais preparado, porém, o Banguzinho gremista tinha melhor qualidade técnica, até porque, contava com 1 titular (Adilson) e alguns reservas imediatos (Diego Clementino, Vilson, Mário Fernandes e Marcelo Grohe).

Bruno Collaço comemora o gol de empate tricolor, admirado por um incrédulo Daniel (à esquerda na foto). FONTE: Valdir Friolin

Bruno Collaço comemora o gol de empate tricolor, admirado por um incrédulo Daniel (à esquerda na foto). FONTE: Valdir Friolin

O primeiro e único Clássico Gre-Nal disputado em terras estrangeiras não teve o público que merecia (apenas 7 mil pessoas). Foi uma peleia típica de Campeonato: sem muita qualidade técnica, mas extremamente brigado. O jogo foi muito centralizado. Muito “perde e ganha” de posse de bola. De qualquer modo, foi um Gre-Nal bem disputado. Houve muitas chances de parte a parte. O Imortal Banguzinho foi mais competente.



Diego Clementino perde o primeiro "gol feito" no Gre-Nal Estrangeiro. FONTE: Valdir Friolin

Diego Clementino perde o primeiro "gol feito" no Gre-Nal Estrangeiro. FONTE: Valdir Friolin

O Inter B não havia feito Grohe trabalhar até então, quando Guto abriu o placar aos 38min do primeiro tempo, após cobrança de escanteio e falha de Vilson (que não acompanhou o deslocamento do centroavante autor do tento). Diego Clementino, de atuação irregular, perdera 1 gol feito de fronte a Muriel, após passe perfeito de lençol por parte de Maylson, e haveria de perder outro, desta vez, sem goleiro na segunda etapa. O Banguzinho sentiu o gol e acabou o primeiro tempo pressionado pelo Inter B. No segundo tempo, o treinador gremista, Roger Machado, trocou ideias com Renato Portaluppi via telefone celular: saída de Vilson para entrada de Willian Magrão. Maylson passou para a lateral-direita, Mário Fernandes saiu da lateral-direita e foi para a zaga, e Willian Magrão ocupou no meio a função que era de Maylson. O Banguzinho atirou-se pra cima do Inter B. Ato contínuo, Lins substituiu Mithyuê, ainda no início do segundo tempo. Resultado: o Banguzinho mostrou que, tal como o time titular, é IMORTAL. Bruno Collaço empatou de falta, após falta cavada por Wesley (bom centroavante, pega pouco na bola, mas resolve quando a pelota chega nele; confirmou o que eu já havia visto na sub-20). Achei que houve falha do goleiro Muriel, pois a bola foi praticamente no meio do gol e fraca. Armou muito mal a barreira, tanto, que encobriu a sua visão.  Aos 27min do segundo tempo, veio “o golpe de misericórdia”: após chutão de Marcelo Grohe colocando a bola em jogo, o volante colorado Nathan deu uma rosca na pelota, a qual tomou uma trajetória estranha para trás, deixando Lins livre para desviar a bola do alcance do goleiro Muriel e aniquilar o clássico: 2 a 1 justo, e agora Lins passa a ameaçar o posto de 12º jogador de Diego Clementino. Grêmio é o ÚNICO invicto do Campeonato Gaúcho 2011, ÚNICO vencedor de um Gre-Nal realmente “internacional”…



Tchüss, fusballteigers!!

Grêmio Anuncia Contratação de Rodolfo e Deve Anunciar Everton

janeiro 28, 2011
Rodolfo vem para ser o xerife da defesa gremista. FONTE: Site do Lokomotiv Moscou/RUS

Rodolfo vem para ser o xerife da defesa gremista. FONTE: Site do Lokomotiv Moscou/RUS

O Imortal Tricolor apresentou no início da tarde desta sexta-feira o zagueiro Rodolfo. Canhoto, o jogador de 28 anos foi uma indicação do técnico Renato Portaluppi, que já trabalhou com o jogador em 2002 no Fluminense-RJ/BRA. Rodolfo atuou por sete temporadas na Europa e garante que está muito motivado com a volta ao futebol brasileiro. Ele prometeu dar a vida pela camisa do Grêmio:

Vou fazer tudo o que eu sei e mais um pouco. Além das minhas características individuais, vou ter que trabalhar para conseguir as vitórias. Vim pra comer grama. Estou com muita vontade de jogar futebol. Não vai faltar vontade — promete o novo zagueiro do Grêmio.

Rodolfo era capitão do Lokomotiv de Moscou/RUS, havia jogado 4 anos no Dínamo Kiev/UCR, e profissionalizou-se no Fluminense-RJ/BRA. A meu ver, ele vem para ser titular. Se jogar tudo que sabe, Rodolfo não terá dificuldades para firmar-se entre os titulares gremistas. Dono de uma “patada” com a perna esquerda, Rodolfo se notabiliza pelos gols em cobranças de falta de longa distância, pela grande imposição no cabeceio e pela desenvoltura que tem para sair jogando – algo raro para um zagueiro. Ele assinou contrato até o fim de 2011 por empréstimo, sem passe fixado. Rodolfo tem contrato até 2013 com o clube moscovita.

Quanto à Everton, este volante jovem, de 26 anos, o qual começou no Prudente-SP/BRA, teve boa passagem por Fluminense-RJ/BRA e estava no Cruzeiro-MG/BRA, deve desembarcar na próxima segunda-feira para fazer exames médicos no Monumental e assinar contrato de empréstimo por  ano. O jogador é volante e vem para disputar posição. Eu, particularmente, não teria trazido este atleta. Acho que ele tirará o espaço dos garotos da base do Grêmio, sendo que está em igualdade de qualidade com estes.

Tchüss!!

 

Grêmio Anuncia a Primeira Contratação para a Temporada 2011 e Mira Zagueiro Castelhano

dezembro 23, 2010
Lins chega para disputar posição com Jonas, Borges, André Lima, Diego Clementino, Jr. Viçosa e Bergson. FONTE: Site do Grêmio

Lins chega para disputar posição com Jonas, Borges, André Lima, Diego Clementino, Jr. Viçosa e Bergson. FONTE: Site do Grêmio

O Imortal Tricolor anunciou o seu primeiro reforço para a Temporada 2011: o atacante Lins. O atleta foi apresentado no início da noite desta quarta-feira e ficará por empréstimo até o final do ano, com opção de compra.

Trazido do Criciúma-SC/BRA, clube no qual fez grande temporada – tendo ajudado o Tigre Catarinense a subir da Sèrie C para a B, o jogador de 23 anos  iniciou a sua carreira futebolística no Camaçariense-BA, tendo passado depois por uma série de clubes do interior paulista. Com a oportunidade de disputar uma Libertadores, Lins não disfarçou a alegria em jogar pelo Grêmio, afirmando que está realizando um sonho. No vídeo abaixo, o gol decisivo de Lins, aos 45min do segundo tempo, ante o Caxias-RS/BRA no Campeonato Brasileiro da Série C.

O atacante retornará para a cidade de São Paulo ainda nesta quarta-feira para resolver questões pessoais. Lins se apresentará com o restante do grupo no dia 4 de janeiro.

Ficha técnica:
Nome: Lins Lima de Britto
Posição: Atacante
Data de nascimento: 11 de setembro de 1987 (23 anos)
Local de nascimento: Camaçari/BA
Altura: 1,72 m
Peso: 69 kg

Clubes:
Camaçariense (2004-2006)
Mogi Mirim (2006-2008)
São Caetano (2008)
Paulista (2008)
Guarantinguetá (2009)
Ponte Preta (2009)
Mirassol (2010)
Criciúma (2010)

Quem pode vir a desembarcar no Estádio Olímpico Monumental também é o zagueiro uruguaio Coates. Sebástian Coates tem 20 anos de idade, é titular do Nacional/URU, foi titular em todas as Seleções Uruguaias de base e é tido como o sucessor de Lugano, razão pela qual, é chamado de “Luganito” por lá. Coates já havia sido sondado pelo Imortal Tricolor no início de 2010, mas tudo não passou de especulação. O jogador seria pretendido também por Botafogo-RJ/BRA, Cruzeiro-MG/BRA, São Paulo-SP/BRA e Lazio/ITA. Como a direção gremista mantém a política de se pronunciar apenas quando do fechamento contratual, segue a especulação. Confesso que não conheço o atleta. Ele jogou contra o Grêmio um amistoso no início de 2010, o qual o Tricolor venceu o maior clube do Uruguai por 3 tentos a 1.

Coates: o futuro companheiro de Paulão na zaga gremista? FONTE: El Ovación

Coates: o futuro companheiro de Paulão na zaga gremista? FONTE: El Ovación

Tchüss!!

Inter de Porto Alegre-RS/BRA Proporciona o Maior Fiasco da História do Futebol Sul-americano

dezembro 15, 2010
Kidiaba foi eleito o melhor em campo. FONTE: Capa do GloboEsporte.com

Kidiaba foi eleito o melhor em campo. FONTE: Capa do GloboEsporte.com

Pela primeira vez na história do futebol, um clube sul-americano é eliminado precocemente de uma semifinal de Mundial de Clubes. O Inter de Porto Alegre-RS/BRA não ficou apenas neste recorde. Foi a primeira vez na história que um clube sul-americano não disputará uma final de Mundial de Clubes. Não só isso: foi a primeira vez desde que o futebol começou a ser jogado que um clube brasileiro foi derrotado por um clube africano em torneios entre continentes. Em síntese: os vermelhos brindaram os gremistas com o maior fiasco de sua história.

Na tarde deste inesquecível 14 de dezembro de 2010, o Inter de Porto Alegre-RS/BRA foi destroçado pelo TP Mazembe da República Democrática do Congo (QUEM???) por 2 a 0, gols de Kabangu e Kaluiyutuka. No primeiro, Bolívar e Índio assistem a Kabangu dominar a bola, enquadrar o corpo, e girar pra bater de chapa (sem chances) para um incrédulo goleiro Renan. No segundo, com o Inter de Porto Alegre-RS/BRA já desnorteado e desorganizado, veio “a pá de cal” (nas palavras do narrador Galvão Bueno): Kuliyutuka pedalou diante de Guiñazu, lembrando Robinho na final do Brasileirão de 2005 contra Rogério do Corinthians, descadeirou o argentino, bateu forte no canto direito de Renan que, após 4 séculos passados, caiu para tentar a defesa, quando a pelota já beijava as redes vermelhas. Agora o TP Mazembe/RDC, apelidado sarcasticamente de “Todo Poderoso” Mazembe, pegará na final o vencedor de Internazionale de Milão/ITA e Seongnan Chunma/COR.

Desde que Renato Portaluppi assumiu o Grêmio, a gangorra mudou de lado no Estado do Rio Grande do Sul. O Grêmio saiu da zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro 2010 para obter a última vaga brasileira para a Copa Libertadores 2011, atropelando o “flanelinha” Inter de Porto Alegre mais uma vez (o qual amargou uma vexatória 8ª colocação). Na sequência, era preciso que o Goiás-GO/BRA fosse derrotado na final da Copa Sul-americana 2010 pelo Independiente/ARG para que o Imortal Tricolor confirmasse a sua vaga na Libertadores. Deu certo. SECAÇÃO POSITIVA. Para finalizar com glórias, o Inter de Porto Alegre-RS se manteve ATRÁS do Grêmio na história do futebol: enquanto o Grêmio tem um título mundial e um vice-campeonato mundial, o Inter de Porto Alegre-RS tem um título mundial e (NO MÁXIMO) um terceiro lugar. Tem coisa pior que assistir a uma decisão de terceiro lugar em um mundial no qual o teu time jogou apenas 1 jogo e já está fora, após uma “lavada futebolística”??? Deu certo novamente. SECAÇÃO POSITIVA.

Se era pra ir para o Mundial de Clubes e fazer esse fiasco, era preferível ficar em Porto Alegre-RS.  A gremistada, dona de 65% da torcida no Rio Grande do Sul, agradece-te, Inter de Porto Alegre-RS!!! Ah…a FIFA ainda errou ao colocar em seu site que o logotipo do Inter de Porto Alegre-RS era o do Vitória da Bahia. Na Libertadores, a Conmebol colocou o símbolo do Internacional de Santa Maria em lugar do símbolo do clube da Avenida Padre Cacique. É tanta vergonha que fica até chato descrever. Gastar R$ 9 mil pra ver o Inter de Celso Juarez Roth levar uma lambada do Mazembe não tem preço.  “O Inter de Porto Alegre-RS comeu o pão Kidiaba amassou…” (dissera um gremista espirituoso)

MAZEMBE 2 X 0 INTERNACIONAL
Kidiaba, Nkulukuta, Kimwaki, Ekanga e Kasusula; Mihayo, Kaluyituka, Bedi e Kasongo; Kabangu (Kanda) e Singuluma. Renan, Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Wilson Matias, Guiñazu, Tinga (Giuliano) e D’Alessandro; Rafael Sobis (Oscar) e Alecsandro (Leandro Damião).
T: Lamine N’Diaye T: Celso Roth
Estádio: Mohammed bin Zayed, em Abu Dhabi (Emirados Árabes). Data: 14/12/2010. Árbitro: Bjorn Kuipers (Holanda). Auxiliares: Berry Simons (Holanda) e Sander Van Roekel (Holanda).
Gols: Kabangu, aos sete do segundo tempo, e Kaluyituka, aos 40 do segundo tempo.
Cartões amarelos: Nkulukuta (Mazembe); Índio (Inter).
Público: 22.131.

Tchüss, fusballteigers!!

Gre-Nal 383: Imortal Tricolor Precisa Vender Jonas

outubro 27, 2010
Jonas: o maior goleador gremista em um só Brasileiro não consegue marcar gols em Gre-Nais. FONTE: Bog Tricolor

Jonas: o maior goleador gremista em um só Brasileiro não consegue marcar gols em Gre-Nais. FONTE: Bog Tricolor

O Clássico Gre-Nal 383, realizado neste último domingo, dia 24 de outubro de 2010, teve o amplo domínio do Grêmio dos 15 minutos da primeira etapa até os 25 minutos da segunda. Nos primeiros 15 minutos de jogo as equipes foram se estudando. E dos 25 minutos do segundo tempo ao final, o Inter dominou a partida, mas em razão da expulsão do capitão tricolor, Fábio Rochemback.

Celso Roth, para variar, escalou mal seu time. Renato Portaluppi deu um verdadeiro “nó tático” no glorioso time da beira do Lago Guaíba. Foram 6 chances perdidas de gol: 2 com Douglas, 2 com Lúcio e 2 INCRÍVEIS com Jonas. O Imortal Tricolor poderia ter goleado, aniquilado os vermelhos, entretanto, a falta de competência e efetividade do ataque gremista impossibilitaram tal desiderato. Não falo de André Lima, autor do primeiro gol do jogo, baita centroavante de área, autor também do passe que originou o segundo gol gremista, o qual foi anotado pelo criticado Fábio Santos. Falo de Jonas, essencialmente. Seus 20 gols no Campeonato Brasileiro 2010 não me iludem. Trata-se de um grande jogador, sem dúvida alguma, mas que em Clássicos Gre-Nais, some. Não sei informar as razões, mas sempre que há um clássico contra o rival, Jonas “se apequena”. Ele perde gols inacreditáveis, voltando a ter atuações correspondentes “ao velho Jonas” que todos os gremistas conhecem (“El Peor Delantero del Mundo”, consoante o Jornal Marca, da Espanha).

Não fosse a inoperância de Jonas, o Grêmio teria vencido tranquilamente o Gre-Nal 383. Não fosse, da mesma forma, o preciosismo exacerbado de Douglas, o Tricolor teria vencido “com um pé nas costas” o Internacional de Porto Alegre. Muricy Ramalho sempre avisa: “a bola pune!” O Grêmio cansou de perder gols, até que os vermelhos acertaram uma bola. O pênalti cumulado com a conversão do gol e a expulsão de Roca quase resultaram em derrota e tragédia para os gremistas. Por todo o exposto, faz-se necessária a venda de Jonas ao término do ano de 2010. Renove-se o contrato deste grande jogador que não sabe disputar clássicos gaúchos, para depois vendê-lo por uma cifra considerável, e então contratar um atacante mais frio e calculista de fronte para o gol adversário. Os dois gols que Jonas perdeu são inconcebíveis. Diante de um goleiro “convidativo” como Renan, bastava colocar a bola na meta para comemorar o gol. Jonas conseguiu tirar da meta os dois chutes. Uma façanha, sem sombra de dúvidas, até em razão do pequeno distanciamento que havia.

Quem trazer para o lugar de Jonas? Fácil. Dou uma lista de atacantes competentes para formar o ataque gremista em 2010 com André Lima ou Borges: Éder Luís (Vasco da Gama-RJ/BRA), Jussiê (Bordeaux/FRA), Dagoberto (São Paulo-SP/BRA), Diego Tardelli (Atlético-MG/BRA), Vagner Love (CSKA Moscou/RUS), Thiago Ribeiro (Cruzeiro-MG/BRA), Emerson Sheik (Fluminense-RJ/BRA), Thiago Neves (Al Hilal/ARS), Cavenaghi (Mallorca/ESP), Marcelo Moreno (Shakhtar Donetsk/UCR), André (Dínamo Kiev/UCR), Liedson (Sporting Lisboa/POR), etc. Outros que precisam ser negociados são Leandro, Ozeia, Ferdinando, Souza e Fábio Santos. Mais um ano “enganando” vai ser brabo de a torcida tricolor aguentar…

Fernando Cavenaghi: este argentino resolveria os problemas gremistas. FONTE: Site do Bordeaux/FRA

Fernando Cavenaghi: este argentino resolveria os problemas gremistas. FONTE: Site do Bordeaux/FRA

Tchüss!!

Portaluppi Facts

setembro 30, 2010
André Lima e a Geral: Grêmio trucidou impiedosamente o São Paulo no Estádio Olímpico Monumental por 4 a 2. FONTE: CLicRBS

André Lima e a Geral: Grêmio trucidou impiedosamente o São Paulo no Estádio Olímpico Monumental por 4 a 2. FONTE: CLicRBS

O Imortal Tricolor não para de subir na tabela do Campeonato Brasileiro 2010. Faz a melhor campanha do segundo turno e, sem sombra de dúvidas, se tivesse Renato Portaluppi no comando do time, desde o início, certamente estaria brigando pelo título. Paulo Silas, infelizmente, foi um erro. Uma aposta da direção gremista que não deu certo. É um técnico emergente, que surgiu bem no Avaí-SC, contudo, tendo em vista suas atitudes ante os microfones (como no Caso Jean, em que ele afirmou não ter sido vaiado pela torcida, pois não faz gol contra – referente ao empate em 1 a 1 com o rebaixável Goiás-GO no qual o zagueiro flamenguista fez um gol contra), assim como a forma pela qual arma seus times, comprovou-se que Silas ainda não está preparado – se é que um dia estará – para comandar um clube da grandeza de Grêmio e Flamengo-RJ.

Renato Portaluppi é uma realidade. Ninguém mais ousa duvidar dele. Ele deu padrão de jogo ao time. Ele incendiou a torcida que tanto o venera como ídolo supremo do Grêmio. Ele arrumou o vestiário. Ele deu carinho aos jogadores. Renato demonstra, mais do que nunca, a sua maturidade como treinador de futebol. Está pronto. Os resultados obtidos com o Grêmio são sua maior prova. O time que ele formou no Bahia é atualmente o segundo colocado na Série B do Campeonato Brasileiro e também é uma realidade.

Contra o São Paulo-SP ontem no Monumental, Renato mexeu no esquema mais uma vez. A torcida estava um pouco relutante em aceitar Lúcio no meio e Vilson de volante (improvisações), mas nunca deixou de acreditar em Renato. Foi o segundo melhor jogo do Grêmio no ano. Com certeza a melhor atuação do Grêmio nas mãos de Renato Portaluppi. Douglas foi o maestro do meio, sempre invertendo o jogo, abusando dos passes perfeitos e passando pelos marcadores como se fossem cones. André Lima teve seu melhor momento no clube: foi autor de dois gols típicos de centrovante, demonstrando todo o seu faro de gol. Jonas teve dedicação impecável, jamais desistindo das jogadas. Adílson foi aplicado na contenção. Lúcio começou vacilante, mas depois de pegar confiança esbanjou bom futebol. Paulão ganhou todas no alto, fazendo o estádio quase vir abaixo com suas jogadas de força. Vilson lembrou Réver, ao sair jogando com personalidade, tocar a bola com certa naturalidade e quase marcar um golaço de fora da área, por intermédio de um chute ambicioso de chapa.

Mas faltava “a cereja do bolo”: Diego Clementino. Eu aguardava ansiosamente a estreia do promissor Jr Viçosa. Renato optou pela experiência de Diego Clementino, ex-Cruzeiro-MG, Nacional/POR, entre outros clubes. Mas que baita jogada de Renato! Diego infernizou a defesa são-paulina. Marcou o gol que decretou a goleada e ainda cavou a expulsão do ótimo Alex Silva, zagueiro de Seleção Brasileira.

A vaga na Libertadores ainda segue muito distante. Sem embargo, ninguém mais duvida do Imortal Tricolor de Renato. O rebaixamento foi afastado. A vaga na Copa Sul-americana está praticamente garantida. Mas o treinador gremista e seus comandados querem mais. O time de Renato Portaluppi, deveras, tem a cara do Grêmio – algo que imprensa e torcida exigiam “há séculos”…

Tchüss, fusballteigers!!

A Frenética Dança dos Treinadores no Campeonato Brasileiro 2010

agosto 10, 2010
Renato Gaúcho orientando Rodrigo Graal pela última vez no Bahia-BA/BRA.

Renato Gaúcho orientando Rodrigo Graal pela última vez no Bahia-BA/BRA.

Sai Paulo Silas, entra Renato Gaúcho (ex-Bahia-BRA/BRA) no Grêmio. Sai Estevam Soares, entra Mário Sérgio (sem clube) no Ceará-CE/BRA. Sai Ricardo Silva, entra Toninho Cecílio (Grêmio Prudente-SP/BRA) no Vitória-BA/BRA. Sai Roberto Fernandes, entra René Simões (sem clube) no Atlético Goianiense-GO/BRA. Sai Ricardo Gomes, entra Sérgio Baresi (das categorias de base do clube) no São Paulo-SP/BRA. Essas substituições clubísticas de técnicos foi feita nos últimos 3 dias. INCRÍVEL. Mas só no Brasil que isso acontece. Não é novidade. Todo brasileiro sabe que, se o time não vai bem, alguém tem de “pagar o pato”. Por vezes é o vice-presidente de futebol, por vezes até o presidente larga fora, mas quase sempre é o treinador.

No Grêmio, por exemplo, saíram o vice de futebol (Luiz Onofre Meira) e o treinador (Paulo Silas). A torcida já pedia as suas saídas há tempos. Era “uma tragédia já anunciada”. Agora, com novo ânimo, novo treinador (Renato Gaúcho), novo vice de futebol (Alberto Guerra), o Imortal Tricolor tentará reagir no segundo semestre de 2010. Após um primeiro semestre bastante positivo (levantou a Taça Fernando Carvalho e ganhou o Campeonato Gaúcho; levantou a Taça Hugo de León, torneio amistoso em que massacrou o Nacional de Montevidéu em seu próprio estádio; terceiro colocado na Copa do Brasil), o Grêmio desorganizou-se e degringolou. Segundo o jornalista Paulo Pires, da Rádio Bandeirantes Porto Alegre, “o Grêmio demitiu um treinador para contrara um mito”. Renato se despede do Bahia-BA/BRA hoje à noite, fazendo seu último jogo como treinador do clube baiano. Caso ele vença, o time entra no G4 que subirá para a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro.

O Palmeiras-SP/BRA, que teve como últimos treinadores (nada mais nada menos) que Wanderley Luxemburgo, Muricy Ramalho e agora Luiz Felipe Scolari, não consegue sair da mediocridade. Com Felipão, ainda não venceu em 5 jogos. Trata-se de um caso típico em que a culpa pelas más campanhas não se deve ao comando técnico. No Brasil, traoca-se de treinador como se troca de roupa. No meu entender, é uma tremenda falta de cultura. Contudo, no caso específico do meu Grêmio, a direção era OBRIGADA a demitir Silas. O ciclo dele acabara, suas convicções já não existiam, e o principal, Silas havia perdido o comando do vestiário. Vejam o Ceará-CE/BRA: é o terceiro colocado no Brasileirão e já está no seu terceiro treinador (começou com Paulo César Gusmão, o qual aceitou proposta do Vasco da Gama-RJ/BRA; contratou Estevam Soares; e agora traz Mário Sérgio Pontes de Paiva, “o Vesgo”).

Muitos treinadores ainda “dançarão” a dança do desempregado até o final do ano. Apenas uma estatística para finalizar este post: os times que costumam contratar de 4 a 5 treinadores por campeonato costumam rebaixar…

Tchüss!!

Pelotas Contrata Christian para Ascender à Série C do Campeonato Brasileiro

julho 5, 2010
Christian retorna ao futebol gaúcho. FONTE: ClicRBS

Christian retorna ao futebol gaúcho. FONTE: ClicRBS

Surpresa. A direção do Pelotas vem fazendo “milagres” neste ano de 2010. Após formar um grande time para o Campeonato Gaúcho 2010 (tendo contratado Sandro Sottili, Alex Dias, Maurinho, Gavião, entre outros), obtendo bons resultados, a direção do Lobão contratou o rodado centroavante Christian. Ele foi apresentado na tarde desta segunda-feira como novo jogador do Pelotas. O jogador de 35 anos de idade, com passagens marcantes por Grêmio e Internacional de Porto Alegre-RS,  foi apresentado após assinar contrato para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série D e do Gauchão de 2011. O problema todo é que, após a disputa do Gauchão 2010, o time do Pelotas sofreu “um desmanche”, tendo perdido jogadores importantes.

O Pelotas será o 18º clube de Christian. O centroavante de 1,86cm já passou por Internacional de Porto Alegre-RS, Marítimo Funchal/POR, Estoril/POR, Sporting de Farense/POR, Paris Saint-Germain/FRA, Bordeaux/FRA, Palmeiras-SP/BRA, Galatasaray/TUR, Grêmio, Omiya Ardija/JAP, São Paulo-SP/BRA, Botafogo-RJ/BRA, Juventude-RS/BRA, Corinthians Paulista-SP/BRA, Portuguesa de Desportos-SP/BRA, Pachuca/MÉX e Monte Azul-SP/BRA. O centroavante foi formado nas categorias de base do Grêmio.

Tchüss!!

Cruzeiro de Porto Alegre-RS Retorna à Primeira Divisão do Campeonato Gaúcho Após 32 anos de Ausência

junho 17, 2010
Jogadores, torcedores e direção fizeram a festa no Estádio Estrelão. FONTE: ClicRBS

Jogadores, torcedores e direção fizeram a festa no Estádio Estrelão. FONTE: ClicRBS

Para alegria da torcida porto-alegrense da Zona Norte, o Cruzeiro de Porto Alegre-RS garantiu o acesso à Primeira Divisão do futebol gaúcho na tarde desta quarta-feira, mais precisamente às 15h. O Cruzeirinho derrotou o Brasil-Fa por 3 tentos a 2 no Estádio Estrelão, em Porto Alegre-RS, em partida válida pela penúltima rodada do quadrangular final da “entreverada” Segunda Divisão Gaudéria.

Com estes 3 pontos conquistados, a equipe da Capital do RS alcançou 10 pontos, confirmando a classificação, e muito provavelmente o título do campeonato (haja vista que só pode ser superada pelo Lajeadense, o qual tem 7 pontos e precisará fazer saldo. O Cruzeirinho volta à elite do futebol estadual após mais de três décadas.  Os gols do time da casa foram marcados por Diego Torres (2) e Alex (de pênalti), enquanto que Diógenes e Magno (pênalti) assinalaram para a equipe de Farroupilha. Foi uma peleia braba, briga de foice, com campo cheio de lama, poças d’água e muitos lances ríspidos. Momento histórico para a cidade de Porto Alegre-RS, que depois de muitos anos, volta a ter 5 clubes na elite do futebol gaúcho, quais sejam: Grêmio, Internacional, São José, Porto Alegre e Cruzeiro. Parabéns ao Cruzeiro e a toda a sua torcida!!

A última rodada, a qual será disputada neste final de semana, decidirá qual clube fará companhia ao Cruzeiro de Porto Alegre na Primeira Divisão Gaúcha. O Lajeadense enfrenta o Cruzeiro no Estádio Florestal, em Lajeado-RS, ao passo que o Brasil-Fa recebe no Estádio das Castanheiras, na cidade de Farroupilha, o São Paulo de Rio Grande.



equipes PG J V E D GP GC SG %
Cruzeiro 10 5 3 1 1 7 5 2 66
Lajeadense 7 5 2 1 2 6 5 1 46
Brasil-Fa 5 5 1 2 2 8 10 -2 33
São Paulo 5 5 1 2 2 3 4 -1 33

Tchüss!!!

Felipão Avisa: Não Treinará o Internacional de Porto Alegre-RS, e o Motivo é o Grêmio

junho 11, 2010

Comunicado de Scolari

O técnico Luiz Felipe Scolari, direto de Lisboa/POR, avisa que agradece ao vice-presidente do CR Flamengo, Helio Ferraz, pela conduta profissional e transparente durante o período da conversa que tiveram. Scolari avisa que não pode aceitar o pedido pois ainda não definiu o seu futuro. A prioridade é sua família.

Quanto aos insistentes noticiários sobre o interesse do SC Internacional, Luiz Felipe Scolari reafirma o que disse em entrevista ao vivo à Radio Bandeirantes Porto Alegre e São Paulo há 15 dias. E lembra de sua forte relação com o Grêmio, portanto não há hipótese de realizar nenhum trabalho na equipe rival.

Acaz Fellegger
Assessor de Imprensa
10/junho

[NOTA DIVULGADA PELO ASSESSOR DE IMPRENSA DE LUIZ  FELIPE SCOLARI]

Semifinal ds Copa do Brasil 2010: Grêmio 4×3 Santos – O MAIOR JOGO DO ANO

maio 13, 2010

Simplesmente de tirar o fôlego…o maior jogo que já presenciei em 29 anos de existência…

Um Balanço Inicial Sobre o Campeonato Brasileiro 2010

maio 10, 2010
Os Meninos da Vila já fizeram mais de 100 gols em 2010 e prometem fazer mais história este ano. Alguém duvida? FONTE: Ig.com

Os Meninos da Vila já fizeram mais de 100 gols em 2010 e prometem fazer mais história este ano. Alguém duvida? FONTE: Ig.com

Tudo bem, muitos vão me dizer que é cedo demais para afirmar tais proposições, mas o Brasileirão começou. O campeonato mais difícil do mundo teve início neste sábado. Apertem os cintos! Façam as suas apostas! As cartas estão na mesa. E, como já diz o título, é apenas um balanço “inicial”. O fato é que, olhando os grupos dos 20 clubes que disputam o Brasileirão, é possível fazer algumas projeções. Não se pode esquecer que a janela de transferências do mês de Agosto sempre modifica os clubes de menor poder econômico (haja vista que os clubes do exterior levam seus melhores atletas por cifras astronômicas, desmantelando os times brazucas “sedentos por verdinhas”).  Partindo deste pressuposto, trago-lhes as seguintes projeções de início para este torneio:

___

CANDIDATOS AO REBAIXAMENTO:

_ Grêmio Prudente-SP: não é por que levou 6 gols do Avaí-SC, porém, é o típico time de empresários, do interior de São Paulo-SP, que aparece para o mundo do futebol por alguns anos, e depois sucumbe (vide São Caetano-SP no início dos anos 2000, Paulista de Jundiaí-SP campeão da Copa do Brasil nos anos 2000, Santo André-SP campeão da Copa do Brasil nos anos 2000 e que subiu, mas já desceu de divisão no Brasileirão, Bragantino-SP nos anos 90, etc.).

_ Ceará-CE: é o que eu chamo de “time-elevador”; trata-se daquele tipo de clube que sobe e desce da primeira para a segunda divisão, e da segunda para a terceira, constantemente (outros exemplos são a Portuguesa de Desportos-SP, América de Natal-RN, Paysandu-PA, Santa Cruz-PE); vencer o Fluminense-RJ em casa na primeira rodada não quer dizer nada, ainda mais tendo em vista que o gol foi de pênalti, e pra piorar, um pênalti inexistente.

_ Guarani-SP: embora tenha vencido o Goiás-GO em casa na primeira rodada, além de deter cartaz de campeão brasileiro com a geração de Careca, o Bugre muito fraco; reforçou-se para o Brasileirão, mas o 8 a 1 que sofreu na Copa do Brasil para o Santos-SP reflete o quanto o clube corre o risco de retornar à Série B em 2011; também é “time-elevador”.

_ Goiás-GO: vem se mantendo há anos na Série A do Campeonato Brasileiro, tendo escapado do rebaixamento nos últimos anos por um triz; ao que tudo indica, o Goiás-GO não escapará este ano, tendo em vista o seu fraquíssimo grupo de jogadores; otra prova disso, é que nem à final do Campeonato Goiano conseguiu chegar (obteve a “façanha” de deixar o Santa Helena fazer a final do Goianão com com Atlético-GO).

_ Vasco da Gama-RJ/Atlético-PR: estes dois correm por fora na briga para fugir do rebaixamento; ambos não devem conseguir mais do que uma das últimas vagas na Copa Sul-Americana (na melhor das projeções). Trata-se de times muito deficientes na marcação e que dependem fundamentalmente da inspiração de 1 ou 2 jogadores (no caso dos cariocas Carlos Alberto e Phillippe Coutinho, no caso dos paranaenses, o veteraníssimo Paulo Baier).

___

CANDIDATOS À COPA SUL-AMERICANA:

_ Vitória-BA: veio para ser coadjuvante; o centroavante Júnior e o goleiro colombiano Viáfara passam por grande fase; deve ficar no meio da tabela, uma vez que não joga tão bem fora de casa, como faz em seus domínios.

_ Atlético-GO: há tempos vinha beliscando uma chance de jogar a Sèrie A; é o típico “time-carrapato”: incomoda até não poder mais, em que pese não ter jogadores de altíssima técnica; o fato de o time chegar pela primeira vez a uma semifinal de Copa do Brasil já indica o crescimento do clube; Geninho (terinador) acertou o time.

_ Avaí-SC: aos frangalhos após o desmanche do melhor time da história do clube (6º lugar no Brasileirão 2009 sob o comando de Paulo Silas), o clube foi em busca de reforços e conseguiu ganhar o Campeonato Catarinense 2010; incomodou o Grêmio nas oitavas-de-final da Copa do Brasil (tendo vencido o jogo na Ressacada) e estreou como líder do Brasileirão 2010; deve ficar no meio da tabela por falta de qualidade no plantel.

_ Fluminense-RJ: desde que Muricy Ramalho assumiu o comando do time, o Tricolor só perdeu (3 derrotas seguidas, sendo 2 para o Grêmio na Copa do Brasil e 1 agora na estreia do Brasileirão para o Ceará-CE); tem um grupo bom o suficiente para ficar na linha intermediária; não deve passar por apuros como no ano passado, quando quase rebaixou.

_ Botafogo-RJ: o título do Campeonato Carioca 2010 é enganador; a eliminação sumária na Copa do Brasil para o Santa Cruz-PE é realista; a defesa do Fogão é muito fraca (Fábio Ferreira nem ficava no banco do Grêmio), seu goleiro é inconstante, seu grande articulador está em má fase (Lúcio Flávio) e seu ataque não é confiável (Germán Herrera e Loco Abreu); vaga confirmada na Sul-Americana.

___

CANDIDATOS À COPA LIBERTADORES DA AMÉRICA:

_ Palmeiras-SP: conquanto venha tendo um péssimo ano de 2010 (eliminação na Copa do Brasil nas quartas-de-final pelo Atlético-GO, eliminação sumária no Paulistão, sem classificar para a segunda fase), é time grande, tem tradição, tem elenco e já começou o torneio vencendo bem ao seu estilo: 1 a 0 chorado sobre o Vitória-BA.

_ Atlético-MG: sob o comando de Celso Roth em 2009, surpreendeu o Brasil por liderar várias rodadas o campeonato nacional; porém, com a “síndrome de cavalo paraguaio” que assombra seu ex-comandante da casamata, o Galo caiu tanto que acabou fora, inclusive, da zona de classificação à Libertadores; trouxe Vanderley Luxemburgo para comandar o time em 2010, e isso justifica qualquer favoritismo.

_ Internacional-RS: poupando jogadores nas rodadas iniciais em razão da disputa da Copa Libertadores da América, já teve um baque na primeira rodada (2 a 1 para o Cruzeiro-MG em pleno Beira-Rio); após a participação no torneio sul-americano, caso confirme sua eliminação, concentrando forças no Brasileirão deverá brigar por vaga.

_ São Paulo-SP: falar em Campeonato Brasileiro sem falar de São Paulo Futebol Clube é complicado; São Paulo-SP está para o Brasileirão, como o Grêmio está para a Copa do Brasil, como a Seleção Brasileira está para a Copa do Mundo; o Tricolor Paulista é sempre favorito, mesmo em má fase tecnica; o time costuma crescer na reta final.

_ Flamengo-RJ: atual campeão brasileiro, tem um grupo fortíssimo e jogadores de nível de seleção; o time está envelhecido e sem um treinador à altura, porém, quando seus atletas querem jogar mesmo, a coisa encrespa.

_ Cruzeiro-MG: favorito ao título da Libertadores 2010; para muitos, também é o time mais completo do Brasil.

_ Corinthians-SP: favorito por ter um dos elencos mais qualificados do Brasil e por ser o time mais favorecido pela arbitragem em todo o país.

_ Santos-SP: mesmo tendo uma defesa veterana e fraca (Durval e Edu Dracena), tem o melhor time do Brasil na atualidade (os ‘dançarinos’ Robinho, Ganso, André, Neymar e Wendel desequilibram); time que trouxe de volta à Nação “o romantismo perdido no pretérito”.

_ Grêmio: clube mais copeiro do Brasil, reformulou o elenco justamente nas posições em que era deficiente no ano passado; campeão gaúcho 2010, o time chega às semifinais da Copa do Brasil em seu melhor momento no ano de 2010 e, coincidentemente, no melhor momento da carreira de seu treinador (Paulo Silas); Silas promete que o Imortal Tricolor também vencerá fora de casa neste ano (fator que foi a grande síndrome do clube em 2009).

___

Se deixarem o matador Borges e o canhoto Douglas jogar, a derrota é 99% certa ante o Grêmio. FONTE: ClicRBS

Se deixarem o matador Borges e o canhoto Douglas jogar, a derrota é 99% certa ante o Grêmio. FONTE: ClicRBS

Tchüss, fussballteigers!!

FGF Anuncia a Seleção do Gauchão 2010: Grêmio tem 8 Atletas Selecionados, e Internacional de Porto Alegre Nenhum

maio 4, 2010
Gremistada "roubou a cena" na Festa dos Melhores do Gauchão 2010. FONTE: ClicEsportes

Gremistada "roubou a cena" na Festa dos Melhores do Gauchão 2010. FONTE: ClicEsportes

Não poderia ter sido melhor para  o Grêmio. O Imortal Tricolor apenas confirmou na eleição dos melhores do Campeonato Gaúcho 2010 que foi merecidíssimo o título conquistado ante o arquirrival. O Grêmio teve oito entre os onze escolhidos. Uma verdadeira “lavagem” na concorrência. Maylson foi eleito o jogador revelação. O Internacional de Porto Alegre não teve nenhum atleta na lista. Marcelo Costa, capitão e meia-esquerda do Caxias, foi eleito (ACREDITEM!!) o craque. O melhor treinador foi Gilmar Iser, do Novo Hamburgo. Quem escolheu o melhores do Gauchão 2010 foram a imprensa e os representantes dos clubes. A votação final ficou a critério dos torcedores, no site da Federação Gaúcha de Futebol.

Confesso que achei algumas escolhas, no mínimo, inusitadas. Nada contra o Itaqui e o Marcelo Costa, ex-jogadores do meu amado Grêmio, contudo, havia cabeças-de-área bem mais qualificados que Itaqui (Gavião do Pelotas, e Sandro do Internacional de Porto Alegre, por exemplo), assim como é fato notório que o melhor jogador da competição foi Jonas. Ora, por mais que Marcelo Costa tenha destacado-se no Caxias, não chegou sequer a uma final de turno. Maylson foi eleito o jogador revelação, empilhou gols como meia e não foi selecionado para a Seleção. Lamentável. Pedro Ernesto Denardin, em seu programa às 20h, ainda alfinetou: “Olha, houve algumas escolhas esdrúxulas nesta eleição. Acho que o Sr. Chico Noveletto deve algumas explicações“. Apenas para constar, mas este Blogueiro acertou 8 das 12 escolhas da Seleção. Bom aproveitamento hein? Segue abaixo a Seleção do Campeonato Gaúcho 2010:

Goleiro
Victor (Grêmio)

Lateral-direito
Edílson (Grêmio)

Zagueiros
Mário Fernandes (Grêmio)
Rodrigo (Grêmio)

Lateral-esquerdo
Paulinho (Novo Hamburgo)

Volantes
Adílson (Grêmio)
Itaqui (Caxias)

Meias
Guilherme (São José)
Douglas (Grêmio)

Atacantes
Jonas (Grêmio)
Borges (Grêmio)

Dirigente
Carlos Duarte (Novo Hamburgo)

Craque
Marcelo Costa (Caxias)

Revelação
Maylson (Grêmio)

Goleador
Jéferson

Árbitro
Leandro Vuaden

Assistente
Tatiana Freitas

Tchüss, fussbalteigers!!

Grêmio Sagra-se Campeão Gaúcho de 2010

maio 3, 2010
Capitão Victor levanta a taça de campeão gaúcho; Hugo ergue o caixão vermelho em alusão "à morte colorada". FONTE: ClicRBS

Capitão Victor levanta a taça de campeão gaúcho; Hugo ergue o caixão vermelho em alusão "à morte colorada". FONTE: ClicRBS

Após a “lambada” aplicada pelo Tricolor da Azenha no Time da Beira do Lago Guaíba domingo passado (2 a 0  ao natural, podendo ter levado mais), era chegada a hora do segundo e derradeiro Clássico Gre-Nal. O Gre-Nal 381. Mesmo perdendo por 1 a 0 no Estádio Olímpico Monumental, o Imortal Tricolor tornou-se campeão gaúcho do ano de 2010. Quase 45 mil presenças na grande final do Campeonato Gaúcho. Eu, como bom gremista que sou, estive lá. Quase não consigo ingresso. Muitos amigos ficaram de fora desta final. Mesmo sozinho, não me intimidei e fui de cadeira lateral. Estádio lotado. Muita vibração. O Grêmio não jogou uma partida brilhante. O Internacional de Porto Alegre foi mais efetivo e marcou o seu gol (por intermédio de Giuliano) no único chute que deu a gol durante todo o jogo, logo no início do primeiro tempo. No segundo tempo, o Grêmio foi melhor. Silas sacudiu o time no vestiário. O time acertou, pressionou, Borges perdeu gols, Abbondanzzieri foi o melhor em campo. Os vermelhos não chutaram a gol no segundo tempo. O torneio consagrou a equipe mais qualificada, a de melhor campanha, a mais regular durante o torneio regional: o Grêmio. Foi o título gaúcho de número 36 do Grêmio. Ao Internacional de Porto Alegre restou “a vitória de Pirro”. E agora que venha o Fluminense-RS na quarta-feira pela Copa do Brasil…

Grêmio Campeão Gaúcho 2010: Ozeia, Marcelo Grohe, Fernandão (segurança fashion), Willian Magrão, Neuton, Douglas, Rafael Marques, Rodrigo, Fábio Rochemback e Victor (DE PÉ); Adílson, Edílson, Jonas, Hugo, Maylson, Borges, Mithyuê, Joilson e Leandro (AGACHADOS). FONTE: ClicRBS

Grêmio Campeão Gaúcho 2010: Ozeia, Marcelo Grohe, Fernandão (segurança fashion), Willian Magrão, Neuton, Douglas, Rafael Marques, Rodrigo, Fábio Rochemback e Victor (DE PÉ); Adílson, Edílson, Jonas, Hugo, Maylson, Borges, Mithyuê, Joilson e Leandro (AGACHADOS). FONTE: ClicRBS

Apenas para não deixar passar, até porque amanhã será celebrado o prêmio dos melhores do torneio, mas aí vai a minha Seleção do Campeonato Gaúcho 2010:

GOLEIRO: Victor (GRÊMIO)

LATERAL-DIREITO: Maurinho (PELOTAS)

ZAGUEIRO PELA ESQUERDA: Rodrigo (GRÊMIO)

ZAGUEIRO PELA DIREITA: Mário Fernandes (GRÊMIO)

LATERAL-ESQUERDO: Paulinho (NOVO HAMBURGO)

VOLANTE: Gavião (PELOTAS)

SEGUNDO VOLANTE: Sandro (INTERNACIONAL DE PORTO ALEGRE)

MEIA PELA DIREITA: Maylson (GRÊMIO)

MEIA PELA ESQUERDA: Douglas (GRÊMIO)

ATACANTE: Jonas (GRÊMIO)

CENTROAVANTE: Borges (GRÊMIO)

TÉCNICO: Gilmar Iser (NOVO HAMBURGO)

Tchüss, fusballteigers!!

É no gramado que importa

março 14, 2010

Maradona, Romário, Renato Portaluppi e Neto, são só alguns exemplos de jogadores que, no tempo em que atuavam, sempre tiveram problemas fora de campo. Romário e Renato, nunca negaram seus gostos pela boemia. Maradona já gostava de outras coisas, e Neto, sempre foi um cara polêmico e que aprontava das suas. A razão que os uni é simples, dentro de campo eles sempre deram conta do recado.

Adriano está sob a mira dos holofotes desde o “barraco” da última semana. A imprensa faz a cobertura de forma correta, já que a ausência do jogador por motivos pessoais é um fator de noticiabilidade. Entretanto, os moralistas que escrevem e opinam, não devem somente julgar o Imperador fora de campo, e sim dentro das quatro linhas.

Sem ele no ataque, o Flamengo jamais seria campeão brasileiro. É inegável a boa fase do jogador e a falta que ele faz ao time de Andrade. Evidente que se o caso de Adriano é um pouco mais complicado e deve ser tratado de forma séria, ele deveria se ausentar dos gramados até ficar curado. Agora, se ele gosta de tomar uma cerveja, gosta da noite, e dentro de campo se garante, deixem o rapaz viver! Ou alguém no lugar dele iria gostar apenas da pelada que envolve gols, hein?

Se dentro do campo ele comprometer, aí sim as críticas devem ser mais contundentes. Mas, se ele continuar com sua fama de baladeiro e continuar metendo um gol atrás do outro, que os moralistas parem com esse papo.

Pergunte para um flamenguista quem eles preferem: O Adriano festeiro e matador, ou qualquer outro jogador “certinho” e pouco eficiente?

Vai ser goleada, nem vale o esforço.

Grêmio Levanta a Taça do Primeiro Turno do Gauchão 2010: Constrangedor

março 1, 2010
Grêmio campeão da Taça Fernando Carvalho (2º Turno do Campeonato Gaúcho 2010) - de pé: Rafael Marques, Victor(C), Maurício, Mário Fernandes, Hugo e Douglas; agachados: Jonas, Borges, Ferdinando, Fábio Santos e Fábio Rochemback.

Grêmio campeão da Taça Fernando Carvalho (2º Turno do Campeonato Gaúcho 2010) - de pé: Rafael Marques, Victor(C), Maurício, Mário Fernandes, Hugo e Douglas; agachados: Jonas, Borges, Ferdinando, Fábio Santos e Fábio Rochemback.

Constrangedor. Esse é o termo que resume o título conquistado pelo Grêmio neste 28 de Fevereiro de 2010. E tudo graças a dois fatores precípuos: 1) atuações abaixo da média de grande parte de seus jogadores; 2) a falta de ímpeto e as preferências do treinador Paulo Silas. Na saída do estádio, a torcida gremista não comemorou. Uma pequena minoria, ou alcoolizada, ou sem noção da atuação pífia, resolveu comemorar com buzinadas e gritos tímidos. Eu, meu primo Digão e meus amigos Alemão Pizoni e Junique não conseguimos comemorar. Se o Grêmio tivesse conquistado o primeiro turno e esta fosse a conquista do segundo turno, não haveria problemas. Mas logo ali, temos uma Copa do Brasil, temos o segundo turno do Gauchão. Não haverá Novo Hamburgo-RS, Porto Alegre-RS, Avenida-RS, e sim, Santos-SP, Palmeiras-SP, Fluminense-RJ. Este time que vocês estão vendo supra, caso não sofra boas alterações, haverá de protagonizar um verdadeiro “show de horror” nos próximos jogos.

Este filme de horror com pitadas de crueldade, pode ter tido início com as lesões que vêm atemorizando os gremistas: o primeiro a se lesionar foi Souza (6 meses fora), depois foi a vez de Lúcio (também 6 meses), e agora, mais recentemente, Leandro (30 dias) e (hoje) Borges. Não há time que aguente tantas ausências. Ademais, todos são titulares. O Grêmio ideal teria: Victor; Edílson, Mário Fernandes, Rodrigo e Lúcio; Willian Magrão, Rochemback, Souza e Douglas; Leandro e Borges. O Grêmio que vem se projetando é: Victor; Edílson, Mário Fernandes, Rodrigo e Fábio Santos; Ferdinando, Rochemback, Maylson(Hugo) e Douglas; Hugo(Willian) e Jonas. É muita diferença. Convenhamos. Em que pese o Imortal Tricolor tenha vencido o título do primeiro turno do Gauchão 2010, os erros não podem passar despercebidos. Willian substituiu o lesionado Borges e mostrou que está totalmente fora de forma. Deu para contar em uma mão quantas vezes ele tocou na bola. Após a lesão muscular de Borges, o time se perdeu. Havia feito um primeiro tempo de qualidade, mas o segundo tempo reservava fortes emoções…

Borges sofreu lesão muscular: segunda-feira fará exames para ver quantos dias ficará fora. FONTE: ClicRBS

Borges sofreu lesão muscular: segunda-feira fará exames para ver quantos dias ficará fora. FONTE: ClicRBS

O Novo Hamburgo-RS foi pra cima na segunda etapa. Rodrigo Mendes entrara para dar “o algo a mais” que faltava ao time conhecido como “Galáticos do Vale do Sinos”. E foi. A torcida gremista passou por mals bocados. Para piorar a situação, o treinador gremista retirou um atacante (Jonas) e colocou um volante (Maylson), e depois, o meia articulador e grande craque do time (Douglas), para colocar outro volante (Adílson). Isso sem contar, que as atuações individuais de Fábio Rochemback, Maurício, Hugo, Jonas e (principalmente) Willian foram comprometedoras.O Grêmio foi patético a partir dali. Passou o restante do tempo apenas se defendendo, dentro do seu próprio estádio, ante a sua própria torcida, com quatro volantões, tão-somente aguardando o fim do jogo. Afora estes pontos negativos, também há os positivos: o Grêmio quebrou o recorde de invencibilidade no próprio estádio (46 jogos – o recorde pertencia ao Internacional-RS do final dos anos 70), foi o primeiro jogo em que o Imortal Tricolor não levou gol, e foi o primeiro título tricolor desde o Gauchão de 2007. Orai, torcida gremista! É o que nos resta…

GRÊMIO (1) NOVO HAMBURGO (0)
Victor; Mário Fernandes, Maurício, Rafael Marques e Fábio Santos; Ferdinando, Fábio Rochemback, Douglas (Adílson) e Hugo; Jonas
(Maylson) e Borges (William).
Juninho; Micael (Rodrigo Mendes), Cláudio Luiz e Edson Borges; Chicão (Michel), Emerson, Márcio Hahn, Preto (Maiquel), Edimar e Paulinho; Gustavo Papa.
Técnico: Silas Técnico: Gilmar Iser

Gauchão, final do 1º turno, 28/02/2010
Local:
Estádio Olímpico, em Porto Alegre.
Arbitragem: Carlos Simon, auxiliado por Altemir Hausmann e Paulo Conceição.
Gol: Ferdinando (G), aos 20min do 1º tempo.
Cartões amarelos: Maurício, Ferdinando e Fábio Santos (G); Édson Borges e Cláudio Luiz (NH).

Tchüss!!

Uma Decisão Judicial para Humanizar o Futebol Gaúcho

fevereiro 5, 2010

O Ínclito Juiz do Trabalho Rafael da Silva Marques deu um exemplo de cidadania nesta sexta-feira, véspera da penúltima rodada do primeiro turno do Campeonato Gaúcho 2010: acolheu a liminar movida pelo Sindicato dos Atletas Profissionais, proibindo jogos das sérias A e B do Gauchão entre 10h e 18h. O Sindicato dos Atletas Profissionais do Rio Grande do Sul alega que a ação foi tomada pela integridade da saúde dos jogadores.

A cena inusitada ocorrida com o comentarista e ex-jogador de futebol Batista, ao desmaiar na cabine da imprensa, em razão da altíssima temperatura, foi emblemática.  A integridade do ser humano (tanto jogadores, como árbitros, seguranças, torcedores, e demais envolvidos nesta prática esportiva) está acima de qualquer exigência ou contrato formalizado por empresas interessadas nos direitos de transmissão. O calor de mais de 40 graus que vem fazendo no Estado do Rio Grande do Sul é desumano. Faz-se justiça, deste modo.

Segue logo abaixo, a íntegra da decisão interlocutória:

___________________________________________

DECISÃO

Assim, defiro a liminar, em ação cautelar, impedindo a ocorrência de partidas de futebol profissional no Rio Grande do Sul, entenda-se séries “A” e “B”, campeonato gaúcho e campeonato gaúcho da série “B”, entre as 10h e as 18h , devendo as partidas iniciarem e terminarem fora destes horários, sob pena de multa diária de cento e cinquenta mil reais por partida, sem prejuízo da multa de cinco mil reais por atleta, em favor do Fundo de Amparo ao Trabalhador. Intimem-se. Dê-se ciência ao Ministério Público do Trabalho. Expeça-se mandado urgente, pelo plantão, junto ao presidente da Federação Gaúcha de Futebol. Nada mais.

POA, 04 de fevereiro de 2010.

Rafael da Silva Marques
Juiz do Trabalho

____________________________________________

Tchüss, fusballteigers!!

Como Andam os Ex-Gremistas em Seus Clubes Atuais?

janeiro 22, 2010
Tcheco afirmou entender as vaias e que está buscando entrosamento. Alguém já viu este filme? FONTE: LancePress

Tcheco afirmou entender as vaias e que está buscando entrosamento. Alguém já viu este filme? FONTE: LancePress

De um modo geral, os ex-jogadores do Grêmio vêm atuando muito bem em seus novos clubes. Isso prova que o grupo, embora tivesse algumas limitações, era qualificado (2009). É claro que há algumas exceções. No Botafogo-RJ, o argentino Germán Herrera é o goleador neste início de temporada, tendo feito 2 gols em dois jogos. No mesmo clube, Renato Cajá fez a sua estréia no dia de ontem, abrindo o placar ante o Friburguense-RJ, após rápida jogada em cima do beque central: recebera a pelota na entrada da grande área, deu um toque de prima para frente, ganhando a dianteira, e chutando (com muita técnica) colocado no canto direito do goleiro adversário.

Germán "Casi Gol" Herrera resolveu marcar gols. FONTE: GloboEsporte.com

Germán "Casi Gol" Herrera resolveu marcar gols. FONTE: GloboEsporte.com

Leo assumiu a titularidade da defesa palmeirense, tornando-se o xerife da zaga. Embora o Porco não venha tendo um bom aproveitamento neste início de Campeonato Paulista, Leo vem sendo destaque ao lado de Diego Souza. Porém, como eu mencionei supra, há exceções. O último ídolo gremista, o ex-capitão Tcheco, fez apenas duas partidas pelo Corinthians Paulista-SP e já vem recebendo as primeiras vaias da Fiel. Eu já havia dito aqui neste espaço: Tcheco é um estupendo jogador, excelente batedor de faltas, pênaltis e escanteios, raçudo, jogador de entrega, mas deveria ter se aposentado ao final de 2009. A idade vem pesando cada vez mais para ele, ao que me parece. No time de Mano Menezes ele vem sendo titular na vaga de Jucilei. Não tenho dúvidas de que, dentro de dois jogos, Mano Menezes o colocará no banco de reservas.

Finalmente, o caso mais vertente e que incomoda os gremistas: Maxi “La Barbie” López se acertou com o Catania/ITA, penúltimo colocado do Campeonato Italiano. Este blogueiro apreciava o futebol deste jogador, todavia, tal como ocorre com a direção tricolor, considera inconcebível o motivo ou razão que fez ele agir desta forma tão desregrada. Um contrato bilateral foi rompido e de maneira com que se faz necessária a indenização à parte contrária (Grêmio), face ao investimento e ao compromisso arcados. Ora, meus amigos internautas, La Barbie aceitou a proposta de um clube (3 anos de contrato) que está fadado a jogar as próximas temporadas na Segunda Divisão! Em outras palavras, irá se esconder do mundo. Como se não bastasse, ele ainda irá receber MENOS do que recebia no Grêmio e jogará ao lado de uma série de atletas pouco expressivos com baixíssima qualidade ténica. Ao que me consta, apenas o goleiro argentino Andújar (ex-Estudiantes de La Plata/ARG) está acima do nível técnico dos demais. E tudo porque? Por que a mulher de La Barbie, Wanda Nara, deseja enlouquecidamente morar na Itália. Pasmem!!! É o típico caso “do homem bem mandado”. Toda uma carreira promissora prejudicada, e justo no momento em que o atleta estava se reerguendo. Lamentável.

O sorriso amarelo de Maxi. FONTE: Site Oficial do Catania

O sorriso amarelo de Maxi. FONTE: Site Oficial do Catania

Tchüss!!!

Jardel É a Grande Contratação para a Conquista da Copa do Brasil 2010 no Flamengo…do Piauí

janeiro 21, 2010
Jardel (em seus "tempos áureos") erguendo a taça de Campeão da América pelo Imortal Tricolor. FONTE: Blog Grêmio Imortal 1903

Jardel (em seus "tempos áureos") erguendo a taça de Campeão da América pelo Imortal Tricolor. FONTE: Blog Grêmio Imortal 1903

Eterno ídolo do Grêmio, Mário Jardel de Almeida resolveu se aventurar, desta feita, no futebol piauiense. Artilheiro da Taça Libertadores da América de 1995 pelo Grêmio e da Liga dos Campeões da Europa em 2000 pelo Porto/POR, o centroavante Jardel fechou um acordo para defender o Flamengo-PI. Aos 36 anos, o atacante deverá ser uma das atrações do duelo do clube piauiense contra o Palmeiras-SP, em 10 de fevereiro, pela primeira rodada da Copa do Brasil. Lançamentos na área não vão faltar. Após passagem  de relativo sucesso pelo Vasco da Gama-RJ, e muito sucesso por Grêmio, Porto/POR, Galatasaray/TUR e Sporting/POR, Jardel não consegue repetir desde 2003 as boas atuações que o fizeram ser o artilheiro da Europa em 1999 e 2000, quando atuava pelo Porto/POR.

Após defender clubes da Inglaterra (Bolton), Itália (Ancona), Argentina (Newell’s Old Boys), Espanha (Alavés), Chipre (Anorthosis Famagouste) e Austrália (Newcastle Jets), o atacante retornou ao Brasil em 2008. Desde então, atuou no Criciúma-SC, Ferroviário-CE (clube que o revelou) e América-CE. Recentemente, Jardel “roubou a cena” no jogo de despedida de Danrlei dos campos de futebol. Naquele jogo (bem noticiado neste Blog), Jardel reativou a parceria de sucesso com Paulo Nunes no ataque, e deu show, marcando 2 gols e sendo o goleador do jogo. O time campeão da Libertadores de 1995 derrotou o time de amigos do Danrlei de virada. Na oportunidade, o centroavante cearense tinha uma “barriguinha saliente” à mostra. Agora, se Jardel ainda pode jogar em alto nível e voltar a ter aquele futebol que todos nós, amantes do futebol, conhecemos, aí é outra questão que haverá de ser respondida futuramente…

Tchüss, fusballteigers!!

Estátua em Homenagem a Mané Garrincha Será Inaugurada Domingo no Engenhão

janeiro 21, 2010
Grata homenagem. Mané deve estar feliz no "campo dos céus". FONTE: GloboEsporte.com

Grata homenagem. Mané deve estar feliz no "campo dos céus". FONTE: GloboEsporte.com

Obra de autoria do artista plástico Edgar Duvivier, a estátua de bronze em homenagem a Mané Garrincha, o mestre de pernas tortas, demorou três meses de muito trabalho para ser feita.  O objeto pesa cerca de 300kg e mede 2,5m de altura (sem contar os 2m de pedestal). A obra será inaugurada no próximo domingo, antes do clássico entre Botafogo-RJ e Vasco da Gama-RJ, válido pelo Campeonato Carioca de Futebol 2010, no Estádio do Engenhão,  ficando num honroso lugar ao lado da imagem de outro ídolo botafoguense: Nilton Santos.

Tchüss!!


%d blogueiros gostam disto: