Já no Primeiro Jogo Oficial de 2010 Grêmio Mostra Sua Imortalidade

by

Óbvio que eu esperava uma vitória. Mas não deste jeito. Cheguei atrasar meu retorno à Porto Alegre-RS (estava em Teutônia-RS passando o final de semana com a minha namorada) para poder assistir à estréia do Tricolor Gaúcho no Campeonato Gaúcho 2010 ante o Pelotas-RS, recém chegado da Segundona do Estado. Em um grande jogo de futebol, o Grêmio conseguiu uma virada emocionante e venceu o Pelotas por 3 a 2 no Estádio da Boca do Lobo, em Pelotas-RS, pela primeira rodada do Gauchão. No primeiro tempo, Thiago Duarte e Sando Sotilli marcaram para o time da casa, mas no segundo, Jonas, Borges e Maylson construíram a suada vitória dos visitantes. O Grêmio 2010 começa a temporada em grande estilo, com boas atuações dos estreantes.

Desde o início, o jogo foi quente como a tarde de sol em Pelotas. No primeiro tempo, a movimentação era forte, apesar do calor que fez o árbitro Anderson Daronco parar a partida para que os jogadores tomassem água. Aconteceu o esperado. O Pelotas veio pra cima do Grêmio desde o início do jogo. O time da Zona Sul do RS vinha de 2 meses de preparação, enquanto o Grêmio de apenas 2 semanas. A diferença de fôlego era notória. Minha sogra (Dona Claudete Koefender) chegou dizer que eu voltaria para Porto Alegre-RS triste, ao assistir o segundo gol pelotense. Friamente, eu avisei: “Tranquilo. O Grêmio irá virar no segundo tempo, pois tem muito mais qualidade técnica.” Dito e feito. Nos 20 minutos finais do primeiro tempo, o Grêmio já tomava conta da partida. Na segunda etapa, Silas substituiu o lateral-direito improvisado Henrique por Jonas. Ferdinando foi deslocado da cabeça da área para a direita. O Grêmio ganhou em agressividade. Seguia pressionando incessantemente. Leandro fez uma bela jogada individual, driblou três adversários, até ser derrubado na grande área. PÊNALTI. Jonas bateu e descontou. Na sequência, após boa jogada de Souza, o bom lateral-direito do Pelotas (Dick) chegou juntando o meia gremista e levou o cartão vermelho. O caminho para a virada estava aberto. Infelizmente, aos 30 minutos da etapa final, me vi na obrigação de pegar o último bus para Porto Alegre. Perdi os dois gols finais. Uma pena. Mas o fato é que o Tricolor não parou de pressionar. Borges fez uma boa proteção de costas para o gol, girou em cima do zagueiro e bateu pro gol. Gol de centroavante. O centroavante. A gremistada não sente falta de Maxi López. Maylson ainda haveria de concretizar a virada ao final da partida, após chute desviado de Hugo. Só falta contratar um lateral-direito. A imortalidade é a cara do Grêmio. E 2010 promete ser inesquecível para a Maior Torcida do Rio Grande do Sul…

Ficha técnica:

PELOTAS 2 x 3 GRÊMIO
Jonatas; Dick, Jonas (Jonathan), Bruno Salvador e Diego; Gavião, Jardel, Rodrigo Ribeiro (Michel) e Maycon Sapucaia; Thiago Duarte (Maurinho) e Sandro Sotilli. Victor; Henrique (Jonas), Rafael Marques, Réver e Fábio Santos (Lúcio); Ferdinando, Adilson, Souza e Hugo; Leandro (Maylson) e Borges.
Técnico: Beto Almeida. Técnico: Silas.
Gols: Thiago Duarte, aos 31, Sandro Sotilli, aos 32 do primeiro tempo. Jonas, aos nove. Borges, aos 35, e Maylson, aos 38 do segundo tempo.
Cartões amarelos: Gavião, Dick, Jonathan e Thiago Duarte (Pelotas);Réver, Souza, Hugo, Borges e Maylson (Grêmio). Cartão vermelho: Dick e Jonathan (Pelotas).
Estádio: Boca do Lobo, Pelotas/RS. Data: 17/01/2009. Árbitro: Anderson Daronco. Auxiliares: Altemir Hausmann e Júlio César Santos.

Tchüss, fusballteigers!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: