Archive for novembro \30\UTC 2009

sobre a rodada [56]

novembro 30, 2009

Campeonato Brasileiro

Corinthians 0x2 Flamengo – Grande Flamengo. Finalmente assumiu a ponta e dever ser campeão no próximo domingo.

Palmeiras 3×1 Atlético-MG – Com direito a gol de placa de Diego Souza, o Verdão vencer está decisão e estará na Libertadores de 2010.

Santo André 5×3 Náutico – Grande partida. Oito gols e o Timbú volta para a segunda divisão. O Santo André tem a mínima chance de escapar. Terá que vencer o Inter em Porto Alegre.

Atlético-PR 2×0 Botafogo – O Fogão entra na ZR. Situação complicada para escapar da segundona. O Furacão se salvou.

Grêmio 4×2 Barueri – Na despedida de Tcheco, Douglas Costa brilhou mais uma vez. O Grêmio é o primeiro time na história dos pontos corridos a fechar a disputa invicto em casa.

Fluminense 4×0 Vitória – O impossível parece que vai acontecer. O Flu vai escapar. Atropelou o Vitória e joga a vida contra o Coritiba, que também está a perigo.

Goiás 4×2 São Paulo – Chocolate em Goiânia. Faltou futebol para o Tricolor paulista. Finalmente o São Paulo não vencerá o Brasileirão.

Sport 1×2 Internacional – Virada do Colorado que vai para a última rodada dependendo do Grêmio para ser campeão. O que fará o Grêmio? Entregará?

Cruzeiro 4×1 Coritiba – O Coritiba ainda corre risco. O Cruzeiro tem uma mínima chance de conseguir vaga na Libertadores.

Avaí 2×2 Santos – Empate na Ressacada. Grande campanha do Avaí. O Santos decepciona.

1 Flamengo Subindo 1 64
2 Internacional Subindo 1 62
3 Palmeiras Subindo 1 62
4 São Paulo Descendo 3 62
5 Cruzeiro Subindo 1 59
6 Atlético-MG Descendo 1 56
7 Grêmio Subindo 1 55
8 Goiás Subindo 1 54
9 Avaí Descendo 2 54
10 Corinthians Parado 49
11 Santos Subindo 1 49
12 Barueri Descendo 1 48
13 Vitória Parado 47
14 Atlético-PR Subindo 1 47
15 Fluminense Subindo 2 45
16 Coritiba Descendo 2 44
17 Botafogo Descendo 1 44
18 Santo André Parado 41
19 Náutico Parado 38
20 Sport Parado 31

Tem início a Libertadores 2010

novembro 27, 2009

Confira os grupos da mais importante competição da América.

Veja os confrontos da pré-Libertadores, com o primeiro time jogando o confronto de ida em casa:

Jogo 1 – Deportivo Táchira (Venezuela) x Paraguai 3
Jogo 2 – Peru 3 x México 3
Jogo 3 – Argentina 5 x Chile 3
Jogo 4 – Brasil 5 x Bolívia 3
Jogo 5 – Argentina 6 x Equador 3
Jogo 6 – Colômbia 3 x Racing (Uruguai)

Veja como ficaram os oito grupos:

Grupo 1
Corinthians
Cerro Porteño (Paraguai)
Colômbia 2
Vencedor do jogo 6

Grupo 2
Brasil 4 (Terceiro colocado no Brasileirão-2009)
Paraguai 2
Once Caldas (Colômbia)
México 2

Grupo 3
Estudiantes (Argentina)
Peru 2
Bolívar (Bolívia)
Classificado do jogo 2

Grupo 4
Argentina 4
Blooming (Bolívia)
Universitario (Peru)
Classificado do jogo 1

Grupo 5
Brasil 3
Cerro (Uruguai)
Deportivo Quito (Equador)
Classificado do jogo 5

Grupo 6
Argentina 3
Nacional (Uruguai)
Equador 2
Morelia (México)

Grupo 7
Velez Sarsfield (Argentina)
Chile 2
Deportivo Italia (Venezuela)
Classificado do jogo 4

Grupo 8
Brasil 2
Universidad (Chile)
Caracas (Venezuela)
Classificado do jogo 3

Avaí-SC Anuncia Saída de Silas Após Término do Brasileirão: Seria o Novo Treinador Gremista?

novembro 27, 2009

Silas orientando o treino do Avaí-SC. FONTE: Blog do Torcedor

O Avaí-SC terá novo treinador em 2010. Após conquistar o acesso à Série A em 2008, o título do Campeonato Catarinense em 2009 e uma vaga na Copa Sul-Americana para 2010, o treinador do time sensação do Campeonato Brasileiro 2009 está deixando o Estádio da Ressacada. Em nota oficial divulgada no seu site, na noite desta quinta-feira, o Avaí-SC informa que encerrou as conversações para renovação de contrato com o treinador, uma vez que não houve acordo entre as partes para 2010. O atual contrato entre o clube e Silas se encerra no dia 31 de dezembro de 2009. Nesta sexta-feira, Silas e a diretoria do Avaí-SC se pronunciarão em entrevista coletiva às 10h, na Ressacada. O treinador estava no Leão da Ilha desde 15 de março de 2008.

As conversas sobre a permanência de Silas dentro do Avaí-SC seguiram ao longo de toda a semana em clima de muito mistério. Na última terça-feira, estava programada uma conversa com dirigentes azurras, mas o treinador viajou para Campinas-SP. Enquanto a situação não se resolvia, Silas trabalhava normalmente na Ressacada. Nesta quarta-feira houve uma nova reunião e tanto o treinador quanto Silas não atendiam os celulares. Por fim, em meio a muita especulação, o Avaí-SC confirmou oficialmente a saída de Silas. O assédio de outros clubes ao treinador, como é o caso do Grêmio, talvez tenha afetado a relação.

Silas comanda o Avaí-SC nos últimos dois compromissos  no Brasileirão. No domingo, o time recebe o Santos-SP, às 17h, no Estádio da Ressacada. Depois, o técnico azurra embarca para a Espanha, onde fara um estágio no Real Madrid/ESP. Silas retorna ao Brasil para dirigir o Leão em seu último compromisso pela Série A, contra o Náutico-PE, em Recife, no dia 6 de dezembro, um domingo. Pode ser um indício de que dia 6 de Dezembro de 2009 ele dará entrevista como mais novo técnico do Imortal Tricolor.

Sinceramente, não creio que seja o melhor treinador para o Grêmio. As questões religiosas deste treinador não são compatíveis com o sistema de vestiário gremista. Não sei o que esperar dele como técnico do Imortal Tricolor. Eu gostaria de ver Carlos Bianchi (eu sei que é um “sonho impossível”). Jorge Fossati (atual LDU/EQU) está muito valorizado. Vagner Mancini está de saída do Vitória-BA, mas foi queimado no Grêmio. Tite está sem clube, mas não tem clima para treinar o Tricolor, após sua passagem recente pelo co-irmão. Adílson já renovou com o Cruzeiro-MG. Joel Santana seria um treinador “sem a cara do Grêmio”. E Renato Gaúcho, sem clube, ainda não está maduro para treinar o clube do seu coração. Em vez de tentar treinadores “regulares” já conhecidos por elaborar times medianos ou que vivem má fase(como é o caso dos treinadores sondados: Silas, Dorival Jr, Ney Franco, Vadão e Nelsinho Baptista), eu tentaria algo mais “promissor”, mais ousado, que não demandasse tantos gastos salariais: Paulo César Gusmão (acaba de trazer o Ceará-CE de volta à Série A do Campeonato Brasileiro atrás apenas do Vasco da Gama-RJ, após mais de 20 anos, e tendo que escalar no time titular Luís Carlos e Geraldo; já foi bicampeão mineiro com o Cruzeiro-MG, campeão goiano com o Itumbiara-GO e costuma revelar muitos jogadores) ou ainda, Marcos Paquetá (campeão mundial sub-17  e sub-20 com a Seleção Brasileira, campeão de todos os torneios sauditas com o Al Hilal e campeão de todos os torneios do Catar com o Al Gharafa).

Marcos Paquetá orientando o meia suíço do Al Gharafa/QAT Hakan Yakin durante treino em Doha. FONTE: Daylife.soccer

Tchüss, fussballteigers!!

Fluminense-RJ Leva ‘Lambatchan’ da LDU/EQU no Primeiro Jogo da Final da Sul-americana

novembro 26, 2009

Ficou muito difícil para o Flu reverter no jogo de volta no Estádio do Maracanã…

Tchüss!!

Na Volta de Romário aos Gramados, América-RJ é Campeão Carioca da Segunda Divisão Após 27 Anos Sem Título

novembro 26, 2009

O Ameriquinha voltou. O segundo time de todo carioca está de volta à Primeira Divisão Carioca, e tudo graças ao seu gerente de futebol: Romário. Após 27 anos de jejum, o América-RJ bateu o Artsul-RJ por 2 a 0 no Estádio Giulite Coutinho, em Edson Passos, e conquistou o título da Segundona Carioca. De quebra, ainda deu para ver Romário entrar em campo com a camisa do time e, mesmo que por pouco tempo, desfilar sua qualidade em algumas jogadas. Fazia 2 anos e meio que Romário havia se aposentado. A festa estava armada para o Baixinho desde o início. Mas enquanto ele não entrou em campo, o zagueiro Ciro resolveu que seria o personagem principal da partida. E o Baixinho não escondeu a emoção de estar homenageando seu pai Edevair, já falecido e ainda por cima ajudando o clube a quebrar um jejum de títulos.

Fazia 27 anos que o América não ganhava um título. E também há a questão que envolve meu pai. Desde o primeiro dia que ele se foi sei que ele me acompanha e deve estar muito feliz — analisou o Baixinho.

No fim do jogo, Romário explicou a promessa feita há alguns anos para o pai:

Há alguns anos, no começo da carreira, joguei contra o América pelo Vasco e fiz dois ou três gols naquela partida. Depois, prometi ao meu pai que vestiria a camisa do América para compensar — conclui o ídolo, emocionado.

Foi bonita de se ver a festa. Eu assisti a grande parte do jogo. O zagueiro Ciro, autor dos dois gols da final, não havia feito nenhum gol até então. ROmário estava visivelmente emocionado pelo momento único que vivia naqueles instantes. Parabéns, Baixinho!

Tchüss!!!

A ‘Altitude’ do Ginásio da Pucrs Influencia o Futsal do Toco y Me Voy

novembro 25, 2009

O Time Laranja parecia com o freio de mão puxado. Aproveitando em contra-ataques rápidos, o Time Azul abriu 3 a 0 fácil com gols de Cleitão. Passado um bom tempo sem alteração no placar, Cuervo marcou o gol que “rompeu o lacre” em favor dos laranjas. O Time Laranja estava mais organizado, parecia ter acertado a marcação. Só parecia. Os laranjas seguiam errando na hora de definir os lances de fronte ao gol, e os azuis aproveitando-se disso, seguiam mantendo a vantagem de 3 gols. Quando parecia que “a vaca tinha ido para o brejo”, o Time Laranja deu aquele algo mais típico do futebol, conseguindo de maneira aguerrida a igualdade. Os azuis perdiam fôlego.

Fazia muito calor no ginásio da PUCRS, também é verdade. Este relator que vos fala, inclusive, quase caiu desfalecido quando faltavam em torno de 15 minutos para o término do jogo. Nitidamente faltava glicose no corpo. Em quase 29 anos de existência, jamais havia sentido algo parecido. Senti como se houvesse duas quadras de futsal naquele momento. Tudo branquiou por um momento. Sensação estranha e desconfortável.

Naquele instante, o jogo ficou mais pegado. E os laranjas conseguiram a virada com dois tentos, um de Luís e outro (a muito custo) deste relator. Só que os azuis não se entragaram. Com a articulação rápida de Bartt e Pedro Henrique, os azuis diminuíram a vantagem através de um gol de Fontana, após chute de fora da área que desviou na defesa. Cuervo haveria de tentar sair jogando há 3 minutos do fim, conseguindo o drible sobre Pedro Henrique, mas perdendo a posse da bola ao forçar o segundo drible sobre um outro adversário. Na base da força, Cleitão decretou novo empate, com um gol de carrinho, após passe açucarado de Pedro Henrique. O jogo parecia interminável. Mas usando aquele último suspiro de raça e vontade, após cobrança rápida de escanteio deste relator, Diogo marcou um belo gol em chute forte da intermediária, dando a vitória (gize-se suada) aos laranjas. Após o grito de desabafo pelo gol, o gongo soa. Fecham-se as curtinas. Termina o jogo de número 91 da história do Toco y Me Voy. Segundo palavras dos companheiros na saída de jogo, “o mais peleado jogo de todos os tempos” (pelo menos o mais disputado do mês de Novembro). Cuervo sugeriu que sejam levadas garrafas d’água e bombinhas de oxigênio nas próximas peleias, tendo em vista “a altitude do ginásio da PUCRS”. Fica a sugestão.

________________________________________

** TIME AZUL:

01-Fontana
02-Junique(C)
03-Bartt
04-Cleitão
05-Pedro Henrique
———————–

11

x

12
———————–
** TIME LARANJA:

01-Cuervo
02-Ratobol(C)
03-Diogo Carioca
04-Luís Mirandinha
05-Zerbes

________________________________________
LOCAL: Centro Poliesportivo da PUCRS (Térreo/quadra 1)
HORA: 20h
DATA: 24 de Novembro de 2009.
________________________________________

Tchüss, fusballteigers!!!

Saem os Indicados a Melhores Jogadores do Campeonato Brasileiro 2009

novembro 25, 2009

O treinador da Seleção Brasileira, Dunga, anunciou em entrevista coletiva concedida à imprensa  nesta terça-feira os indicados a melhores jogadores do Campeonato Brasileiro 2009. A Dupla Gre-Nal aparece com 7 indicações. Vamos aos indicados:

__________________________________________

OS CANDIDATOS


Goleiro
Bruno (Flamengo)
Marcos (Palmeiras)
Victor (Grêmio)

Lateral-direito
Leo Moura (Flamengo)
Jonathan (Cruzeiro)
Vítor (Goiás)

Zagueiro pela direita
André Dias (São Paulo)
Chicão (Corinthians)
Danilo (Palmeiras)

Zagueiro pela esquerda
Miranda (São Paulo)
Réver (Grêmio)
Ronaldo Angelim (Flamengo)

Lateral-esquerdo
Armero (Palmeiras)
Júlio César (Goiás)
Kléber (Inter)

Volante pela direita
Hernanes (São Paulo)
Pierre (Palmeiras
Willians (Flamengo)

Volante pela esquerda
Guiñazu (Inter)
Maldonado (Flamengo)
Sandro (Inter)

Meia-direita
Cleiton Xavier (Palmeiras)
Diego Souza (Palmeiras)
Souza (Grêmio)

Meia-esquerda
Dario Conca (Fluminense)
Marcelinho Paraíba (Coritiba)
Petkovic (Flamengo)

Atacante pela direita
Diego Tardelli (Atlético-MG)
Fernandinho (Barueri)
Fred (Fluminense)

Atacante pela esquerda
Adriano (Flamengo)
Iarley (Goiás)
Ronaldo (Corinthians)

Técnico
Andrade (Flamengo)
Celso Roth (Atlético-MG)
Silas (Avaí)

Revelação
Fernandinho (Barueri)
Giuliano (Inter)
Paulo Henrique Ganso (Santos)

Árbitro
Héber Roberto Lopes
Leonardo Gaciba
Paulo César Oliveira

Craque da galera
Conca (Fluminense)
Hernanes (São Paulo)
Petkovic (Flamengo)

_________________________________________

Faço um desafio aos nossos leitores e aos demais companheiros de blog. Comentem esta matéria, e escalem as suas respectivas seleções do Brasileirão! Depois poderemos comparar a seleção do nosso humilde blog à seleção eleita pela comissão julgadora eleita pela Confederação Brasileira de Futebol. Colocarei a minha seleção em comentário apartado.

 

Tchüss, fusballteigers!

 

 

O favorito

novembro 24, 2009

Quatro equipes disputam o título brasileiro.

Vejamos a tabela de cada um:

São Paulo – Goiás (F) e Sport Recife (C)
Flamengo – Corinthians (F) e Grêmio (C)
Palmeiras – Atlético-MG (C) e Botafogo (F)
Inter – Sport Recife (F) e Santo André (C)

Analisando a situação de cada enfrentamento, temos um favorito. O Inter.

Certamento o clube gaúcho fechará a competição com 65 pontos. Ou alguém duvida que o time de Mário Sérgio não ganhará de Sport e Santo André?

Ficando na dependência de tropeços de Flamengo e São Paulo – exatamente como aconteceu na última rodada – o Inter tem, sim, grande chances de ser campeão nacional.

Após Vexame Histórico, Atletas do Wigan/ING Querem Ressarcir Torcedores Humilhados

novembro 24, 2009

Os jogadores do Wigan/ING, que sofreram domingo uma humilhação para ser contada na história mundial do futebol contra o Tottenham Hotspurs/ING (9 x 1) em jogo válido pela 13ª rodada do Campeonato Inglês (a Premier League), vão reembolsar seus torcedores que assistiram à partida, anunciou o clube nesta segunda-feira em seu site. ” O time está consciente de ter decepcionado seus torcedores. Vamos ressarci-los por sua lealdade extraordinária” – comentou o capitão do Wigan/ING, Mario Melchiot. “Não há nada a dizer. Estamos envergonhados com nossa atuação, e lamentamos por nossos torcedores” – insistiu. Com a humilhação, o Wigan/ING ficou com a pior defesa do Campeonato Inglês (31 gols levados até agora). O clube ocupa a 15ª posição da tabela, e está a três pontos da zona de rebaixamento. O que mais espanta é que o Wigan/ING não possui um elenco ruim, tendo sido inclusive noticiada uma possível ida de Luís Felipe Scolari para o clube, após a sua dispensa do Chelsea/ING. Jogam no Wigan/ING o zagueiro da Seleção Sueca Edman, o meia francês N’Zorbia (juro que não tem qualquer estirpe de familiaridade com o sobrenome deste Blogueiro que vos fala), o atacante da Seleção Colombiana Hugo Rodallega, o zagueiro da Seleção Holandesa (e capitão do Wigan/ING) Mario Melchiot , entre outros.  Não obstante, imaginem se a moda pega aqui no Brasil…

Tchüss, fussballteigers!!

NA CARA DO GOL

novembro 24, 2009

CELSO ROTH, O REI DO CENTENÁRIO COLORADO

Neste ano de 2009, centenário do Sport Club Internacional, nenhum treinador teve um retrospecto mais brilhante para o clube da beira do lago do que Celso Juarez Roth. Na conquista do título gaúcho e na boa campanha da equipe colorada no campeonato brasileiro ele teve participação decisiva com o seu retrospecto “virgem” de vitórias.

No campeonato gaúcho como treinador do Grêmio foram três confrontos e três derrotas. No primeiro Grenal montou um time compacto, bastante competitivo e conseguiu que a equipe tricolor fosse superior durante quase todo o jogo. A derrota  foi claramente injusta e deveu-se a um lance no final do jogo onde a qualidade de Nilmar foi decisiva. Naquele momento o ano parecia auspicioso para os torcedores gremistas.

Nos outros dois jogos Roth manteve o retrospecto. Duas derrotas. Mas desta vez as atuações foram muito fracas, com a equipe tricolor sendo amplamente dominada. As entrevistas após os jogos eram igualmente irritantes, com o mal humor do treinador contra a torcida e a imprensa exalando pelos poros. Sempre vinha com a mesma frase: ” O importante é a Libertadores.” Além de insinuações sobre a inteligência dos torcedores. Enquanto isso o Inter continuava empilhando vitórias.No final a pressão da torcida foi determinante para a queda do treinador.

No campeonato brasileiro Roth esteve duas vezes em Porto Alegre. Mais uma vez foram duas derrotas, 4xo para o Grêmio e 3xo para o Inter levando 7 gols e não fazendo nenhum. No mineirão o retrospecto também foi fraco: derrotou o Grêmio com um pênalti no mínimo discutível no último minuto de jogo, sendo que no primeiro tempo o  juíz Wilson Seneme sonegou um bem mais claro só para a equipe visitante. No final 2X1 Atlético. E contra o Inter bem… adivinhem o que aconteceu?

Perdeu novamente, é claro. 1×0. Levou um gol no primeiro tempo e não texe forças para empatar. Teve o maior tempo da posse de bola mas não concluía a gol. A defesa colorada foi perfeita e neutralizou bem as investidas adversárias. No final do jogo, perdeu a elegância (como de costume) e disse que o Inter jogou como time pequeno, só se defendendo. Irônico ele dizer isso já que perdeu cinco vezes no ano para o “time pequeno”. Já era hora de aprender  com as derrotas e mudar o discurso.

O que mais me deixa incrédulo é que ainda uma boa parte da torcida gremista acha que Roth seria uma boa opção para 2010. Bom, se eles não quiserem vencer grenais eu acho que ele é “ficha 1”. É garantia certa de derrotas em clássicos. Além do mais ele é o Rubinho Barrichello dos treinadores, uma legítima fábrica de ilusões: quando parece que vai engrenar, que a sua hora vai chegar… o gás acaba e fica no “quase”.

Vejo desta forma: No mínimo a diretoria colorada deveria entregar uma placa para ele pelos “serviços prestados” em 2009. Seria uma forma justa de reconhecer aquele que tanto trabalhou pela felicidade colorada neste ano.

” Uma chave importante para o sucesso é a autoconfiança. Uma chave importante para a autoconfiança é a preparação” Artur Ashe

Abraços a todos!!!

Segue o Calvário de Leonardo Gaciba: A Exclusão do Quadro FIFA Após Reprovação em Novo Teste Físico

novembro 24, 2009

Leonardo Gaciba, deveras, está passando pela fase mais delicada de sua carreira como árbitro de futebol. O Rio Grande do Sul recebeu uma péssima notícia na noite desta segunda-feira: o juiz Leonardo Gaciba foi reprovado novamente em um teste físico e foi excluído do quadro da Fifa. Escolhido quatro vezes como o melhor árbitro do Brasil, Gaciba, de 37 anos, já havia sido reprovado em outros testes físicos da Fifa. A última chance dada pela entidade ao juiz foi nesta segunda-feira, em prova realizada no Uruguai. No entanto, o gaúcho não conseguiu completar a terceira de um total de 10 voltas e abandonou a corrida. Em 2010, se conseguir uma nova indicação, Leonardo Gaciba poderá realizar novamente os testes e recuperar o escudo da entidade máxima do futebol mundial.

É a velha e defasada Lei de Murphy: o que está ruim, pode pior ainda mais. Creio que Gaciba deveria fazer um acompanhamento físico mais específico. Um árbitro de sua magnitude, com o seu perfil e sua reputação, não pode ser refém de uma situação dessas. Mas também uma coisa é fato: se existe jogador de futebol em final de carreira, também se pode dizer que há árbitros que tomam o mesmo rumo em dados momentos…

Tchüss!!

sobre a rodada [55]

novembro 23, 2009

Campeonato Brasileiro

Grêmio 2×0 Palmeiras – A briga entre Obina e Maurício mostra bem a cara do Verdão nesta reta final. Completamente perdido. Já o Grêmio, segue ajudando seu rival…

Corinthians 2×3 Náutico – Vitória que mantém viva as esperanças do Náutico. O Timão poupou jogadores para ir com tudo contra o Flamengo.

Atlético-PR 1×1 Cruzeiro – Jogo feio e com poucas chances de gol O empate ainda mantém o risco de rebaixamento para o Furacão e distanciou a Raposa da vaga na Libertadores.

Santos 4×0 Coritiba – O Santos mandou embora o fantasma do rebaixamento. Porém, o Coxa ainda sonha com ele.

Santo André 4×2 Avaí – Outra equipe que se mantém na luta para não cair. Difícil, mas pode acontecer.

Sport 0x3 Fluminense – Por alguns minutos o Fluminense saiu da ZR. A equipe vem em grande fase e tem tudo para escapar da degola.

Botafogo 3×2 São Paulo – Jogaço no Engenhão. Faltou ambição ao time de Ricardo Gomes. Já o Fogão se escapou no final da partida de entrar na ZR.

Flamengo 0x0 Goiás – O Flamengo perdeu a grande chance de assumir a ponta. O resultado colocaria o Fla na dependência só dele. O time estava ancioso. O Goiás fez uma bela partida e por pouco não venceu.

Vitória 2×1 Barueri – O time baiano foi outro que mandou para longe o fantasma do rebaixamento. O Barueri segue passeando na primeira divisão.

Atlético-MG 0x1 Internacional – Vitória fundamental para as pretensões Coloradas. Agora além de praticamente garantir a vaga na Libertadores, o time luta também pelo título. Já Celso Roth confirma seu histórico de na hora “H” fazer fiasco.

1 São Paulo Parado 62
2 Flamengo Parado 61
3 Internacional Subindo 1 59
4 Palmeiras Descendo 1 59
5 Atlético-MG Parado 56
6 Cruzeiro Parado 56
7 Avaí Parado 53
8 Grêmio Subindo 1 52
9 Goiás Descendo 1 51
10 Corinthians Parado 49
11 Barueri Parado 48
12 Santos Parado 48
13 Vitória Parado 47
14 Coritiba Parado 44
15 Atlético-PR Parado 44
16 Botafogo Parado 44
17 Fluminense Parado 42
18 Santo André Parado 38
19 Náutico Parado 38
20 Sport Parado 31

O Legado do Último Ídolo Gremista

novembro 20, 2009

Tcheco não é mais jogador do Grêmio. Anderson Simas Luciano, nascido em 11 de Abril de 1976, mais precisamente na cidade de Curitiba, atualmente medindo 1,80 m e pesando 77kg, ganhou a alcunha de “Tcheco” ainda quando criança. Começou a carreira profissional no Paraná Clube-PR/BRA em 1994, clube em que jogou até 1998. Em 1999 Tcheco jogou pelo Esportivo-RS/BRA, clube da cidade dos vinhedos Bento Gonçalves, no interior do Rio Grande do Sul. Entre os anos de 2000 e 2002 Tcheco atuou pelo Malutrom-PR/BRA, voltando a atuar no futebol paranaense e se destacando. Neste ano de 2002, ele ainda haveria de ser contratado pelo Coritiba-PR/BRA, clube que haveria de fazer o seu futebol despontar para o mundo.  Em 2003, foi o líder de um Coritiba-PR/BRA que obteve a vaga na Copa Libertadores da América e contava no elenco com Marcel, Roberto Brum e Lima. Foi então que o Al Ittihad/ARS levou Tcheco para a Arábia Saudita, onde atuou entre os anos de 2003 e 2005, ganhando muita fama na Ásia, jogando o Mundial de Clubes pelo time saudita, inclusive dando um calor no São Paulo-SP/BRA nas semifinais (3 a 2 para os paulistas e com muito suor), tornando-se “O Rei das Arábias”, segundo a imprensa daquele país. Em 2005 Tcheco haveria de ter uma passagem muito rápida e decepcionante pelo Santos-SP/BRA. Passou grande parte do ano lesionado. Retornou no ano seguinte ao Al Ittihad/ARS, para então se transferir para o Grêmio em 2006 e viver uma verdadeira história épica de amor, batalhas sangrentas e muita doação e identificação com o maior clube do Estado do Rio Grande do Sul.

No Grêmio, em pouco tempo, Tcheco virou capitão do time, ídolo da torcida, referência e símbolo de uma geração. Foi bicampeão gaúcho (2006/2007), vice-campeão da Copa Libertadores da América (2007) e vice-campeão do Campeonato Brasileiro (2008). A campanha do Grêmio deflagrada em 2007 pela Copa Libertadores da América se deve (e muito) a Tcheco. Ele marcou gols impossíveis, inimagináveis, foi o goleador do time naquele torneio, praticamente levando o time nas costas, quando os “aspirantes a craques na época” Diego Souza, Lucas e Carlos Eduardo se imiscuiam. Foi marcante. Há anos que o Imortal Tricolor não chegava a uma final de Libertadores. Viradas épicas contra São Paulo-SP/BRA, Santos-SP/BRA e Defensor/URU levariam o Grêmio à grande final ante o poderosíssimo Boca Juniors/ARG de Roman Riquelme, Palácio e Palermo.

Tcheco foi meu último ídolo, como torcedor fanático que sou da instituição Grêmio Football Porto-alegrense. Sempre o defendi. Sempre comprei briga com todos por ele. Sempre fui caçoado por meus amigos céticos e (até certo ponto) “secadores”. O fato é que Tcheco teve três anos brilhantes de Grêmio: 2006, 2007 e 2008. Levou o time nas costas na Libertadores 2007. Conduziu o Grêmio a campanhas exuberante nos Brasileirões de 2006 (terceiro lugar) e 2008 (vice-campeão), todavia, a idade começou a pesar para o craque gremista. Como todos sabem, jogadores de futebol com 33 anos começam a perder gradualmente as suas potencialidades, e com Tcheco não é diferente. Ele não tem a mesma explosão muscular. Ele não tem a mesma força. Ele não tem a msma combatividade. E agora, neste ano de 2009, ganhou um “plus a mais”: resolveu reclamar demasiadamente e levar cartão amarelo em todos os jogos, agindo como se um atleta das categorias de base fosse.

Sinceramente, Tcheco deveria encerrar a carreira ao final deste ano. Na tarde de ontem, o jogador, seus procuradores e a direção tiveram uma reunião e ficou definida a saída do ex-capitão. Ele provavelmente irá para o Corinthians Paulista-SP/BRA de Mano Menezes (seu treinador no Grêmio em 2006 e 2007) ou para o Atlético-MG/BRA de Celso Roth (seu treinador no Grêmio em 2008 e 2009). Tcheco estará com 34 anos, e certamente (se for prudente) parará de jogar ao término do ano de 2010, sob pena de encerrar a sua carreira em baixa. Ele foi extremamente importante para o Grêmio nestes últimos anos, porém, é chegada a hora de sair. É preciso renovar. É preciso mudar o vestiário gremista. Acredito que com 4 contratações de peso o Grêmio terá condições de ganhar todos os títulos em 2010: Reasco (lateral-direito equatoriano da LDU/EQU), Tinga (volante brasileiro do Borussia Dortmund/ALE), Hugo (meia-esquerda do São Paulo-SP/BRA) e Borges (atacante brasileiro do São Paulo-SP/BRA). Vá com Deus, Capitão! Quero queimar a minha língua, e que tu sejas muito feliz no clube que defenderás em 2010! A torcida gremista agradece pelos seus serviços e o aguarda para colocar os pés na Calçada da Fama do Imortal Tricolor! Teu nome está gravado (eternamente) na história deste clube…

Tchüss!!!

Surf no Dilúvio em Porto Alegre-RS: Até que Ponto Chega a ‘Capacidade’ Humana…

novembro 20, 2009

 

Tchüss!!

Escancarado

novembro 19, 2009

A briga entre Obina e Maurício ao término da primeira etapa da partida de ontem contra o Grêmio, mostrou como o Palmeiras está perdido nesta reta final de campeonato.

Depois de perder a primeira colocação o time de Diego Souza despenca na tabela e já vê ameaçada, a praticamente certa, vaga para a Libertadores de 2010.

Se o Palmeiras ficar fora do G-4, será um fiasco mair que a perda do título do Grêmio em 2008.

 

Quem luta pela Copa

novembro 19, 2009

Essas são as 32 seleções que brigaram ano que vem pelo caneco.

Façam suas apostas, a Copa já começou!

 

Américas do Norte e Central
Estados Unidos
México
Honduras

América do Sul
Brasil
Paraguai
Chile
Argentina
Uruguai

Europa
Dinamarca
Suíça
Eslováquia
Alemanha
Espanha
Inglaterra
Sérvia
Itália
Holanda
Eslovênia
Portugal
Grécia
França

África
África do Sul (país-sede)
Costa do Marfim
Gana
Camarões
Nigéria
Argélia

Ásia
Japão
Coreia do Sul
Coreia do Norte

Oceania
Nova Zelândia
Austrália

França Vai à Copa com a Ajudinha de “La Main de Dieu”

novembro 19, 2009

 

A Irlanda do treinador italiano Giovanni Trappatonni foi “assaltada”…

 

Tchüss!!

Cleitão Assiste Vitória de Virada no Toco Y Me Voy Futsal

novembro 18, 2009

Recuperando-se de uma lesão leve no joelho, Cleitão resolveu comparecer ao jogo para asssitir aos seus colegas, tal como Bartt fizera semana passada. Asseverou, após a peleia, que o jogo fora tranquilo, sem entradas fortes e muito bem jogado. O Time Laranja disparou na frente, já de início. Este Relator empilhou 4 gols seguidos (2 com passes de Diogo e 2 com passes de Fontana), abrindo uma vantagem tranquila de 4 tentos a 0. Cuervo vinha defendendo todas como arqueiro dos laranjas. Eis que o Time Colorido achou o “timing” e passou a pressionar mais organizadamente o Time Laranja, quase sempre, através das investidas céleres do trio Pedro Henrique, Junique e Ratobol. Uma virada similar à que ocorrera 14 dias atrás parecia improvável, mas os coloridos desandaram a marcar gols em sequência, aproveitando-se muito dos erros de saída de bola dos laranjas, e viraram o marcador. O Time Laranja então perturbou-se e correu atrás do marcador até instantes finais, não conseguindo obter êxito. Estamos a 10 jogos de completar o JOGO CENTENÁRIO DA HISTÓRIA DO TOCO Y ME VOY. Preparem-se, pois certamente algum tipo de evento será programado. O tal “jogo de número 100” ocorrerá somente em 2010, ano de Copa do Mundo, provalmente entre os meses de março e abril.

________________________________________

** TIME COLORIDO:

01-Ratobol
02-Junique
03-Stéfano Baiano
04-Pedro Henrique
05-Luís Mirandinha
———————–

13

x

10
———————–
** TIME LARANJA:

01-Fontana
02-Renan Guerreiro
03-Cuervo
04-Diogo
05-Zerbes
________________________________________

LOCAL: Centro Poliesportivo da PUCRS (Térreo/quadra 1)
HORA: 20h
DATA: 17 de Novembro de 2009.
________________________________________

Tchüss!!

Douglas Costa, Giuliano e Alan Kardec Estrelam Nova Propaganda da Nike

novembro 18, 2009

 

Tchüss!!

São Paulo-SP: O Rei dos Brasileirões por Pontos Corridos

novembro 17, 2009

Rogério Ceni pode levantar mais uma taça de Brasileirão em 2009. FONTE: http://Manuel.eti.br

Não é porque meu amigo Flávio Pardini, torcedor são-paulino radicado em Porto Alegre-RS, me solicitou que estou enfatizando o título deste post. É a mais pura e clarividente verdade, se formos atentar para as estatísticas. Desde que o Campeonato Brasileiro de Futebol passou a ser disputado através da atual fórmula (pontos corridos), o São Paulo-SP vem colecionando título atrás de título. Também convenhamos, e O “Matemático Mentiroso” (alcunha de meu amigo supra citado) que me desculpe, mas o título do ano passado e, muito provavelmente, o deste ano se devem à grande incompetência de Grêmio e Palmeiras-SP (2008), e de Internacional-RS, Flamengo-RJ e Palmeiras-SP – repetindo a dose (2009). Vale lembrar que o Grêmio e o Internacional-RS são os primeiros clubes brasileiros na história desta fórmula a vencerem o primeiro turno do campeonato e não conquistarem o título ao final da tábula de jogos, em que pese terem aberto uma considerável vantagem em pontos. Pior que a Dupla Grenal é o Palmeiras-SP. A direção do time palestrino chegou a contratar o treinador que havia conquistado por 3 vezes sequenciais o título do Campeonato Brasileiro com o São Paulo-SP, seu arqui-rival. Contudo, nem assim conseguirá conquistar o torneio, ficando novamente “no quase”, e nem sequer figurando como vice-campeão.

Mesmo com um treinador sem grandes títulos (entenda-se Ricardo Gomes), o Tricolor Paulista se encaminha para uma nova conquista de título nacional, caso não venha a tropeçar. Digo isso, porque o Sâo Paulo-SP atualmente lidera o torneio com 1 ponto a frente do Flamengo-RJ. Eu venho apostando (há tempos) na evolução consistente do Flamengo-RJ de Petkovic e Adriano.  Trata-se de um time, a meu ver, mais encorpado. Tem um goleiro regular, mas que passa por uma ótima fase (Bruno). É  único time do Brasil a ter dois ótimos laterais, os quais seriam titulares em qualquer seleção do mundo, com exceção da brasileira (Leo Moura e Juan). Tem um matador nato no comando do seu ataque que nunca amarela nas horas decisivas e, de quebra, ainda luta pela artilharia do torneio (Adriano). Conta com um meio de campo recheado de guerreiros (fundamentalmente Willians e Maldonado), os quais dão sustentação e liberdade para o cérebro do time articular as principais jogadas (Petkovic).

Hugo e Borges têm grandes chances de desembarcarem em Porto Alegre-RS para jogarem como mais novos titulares da Esquadra Gremista. FONTE: Site Oficial do São Paulo-SP

De outro canto, o time de Ricardo Gomes está enfraquecido em relação a anos anteriores, mas mesmo assim, aparece como favorito ao título (mais uma vez). O São Paulo-SP no Brasil é o Lyon da França de anos atrás. Dando continuidade a esta comparação analógica, o Grêmio seria o Paris Saint-Germain, o Flamengo-RJ seria o Auxerre, o Corinthians seria o Monaco, o Palmeiras seria o Lens, o Cruzeiro seria o Bordeaux, o Vasco da Gama seria o Saint-Etienne, o Internacional-RS o Lille e fiquemos por aqui, senão haverá gente chiando… O fato é que o São Paulo-SP está garantido em mais uma Libertadores, e é o Rei dos Brasileirões por Pontos Corridos. Os outros clubes precisam aprender (e muito) com o São Paulo-SP, como se faz para disputar todos os anos o título do principal torneio nacional.

Tchüss!!


%d blogueiros gostam disto: