Poesia gaudéria

by

Bueno, amigos. Hoje os compromissos de trabalho se sobrepujaram e não arrumei tempo para escrever nada. Então, resolvi transcrever. Como minha coluna é o Pitaco do Guasca, apesar de não trazer nenhum elemento de futebol, trago uma poesia gaúcha aos amigos.

DECANTAÇÃO AO PAGO

Dentre os orgulhos do gaúcho
O apego ao solo de origem toma destaque
Pois não há dinheiro que pague
O aprendizado xucro que o campo fornece
São lições de toda a espécie
Desde o trabalho bruto de qualquer qualidade
Até as lições de honra e honestidade
Algo que jamais se esquece.

Assim é o povo deste chão
Sua terra é e sempre será o seu lar
É lá que se pretende batalhar
Seja no ofício que for
– Agricultor, peão, alambrador –
Não importa se patrão ou empregado
O respeito ao seu chão permanece inalterado
E desde piá já lhe damos o seu valor.

Mas às vezes a vida toma outro rumo:
Por insucesso ou qualquer outra razão
Numa estúpida ilusão
O gaúcho abandona o pago onde nasceu
Para tentar alcançar o apogeu
Em busca de conforto, profissão ou cultura
Mas sempre carregando a amargura
De ter largado a terra onde sempre viveu.

– Na cidade a vida é melhor!
Foi o que sempre ouvi dizer
Mas nunca vou entender
Como podem pensar dessa maneira
Talvez nunca tenham pisado numa mangueira
Pra curar um bichado ou botar um pealo.
Mais do que trabalho, isso é um regalo
São lições pra vida inteira.

Hoje, vivo na capital
Enjaulado na civilização.
E como é ruim a sensação
De morar empilhado!
Saber que tem gente em cima, embaixo e dos lados,
Vivendo num medonho e infinito barulho.
E ainda batem no peito com orgulho
Achando serem eles os civilizados.

Mas não critico as pessoas que gostam dessa vida.
Afinal, cresceram vivendo deste jeito.
E, se este é o Pago deles, eu respeito
Porque o Pago é sagrado pra mim.
E se não me acostumo a viver assim
É porque também mantenho a minha essência
– Tenho a cabeça voltada pra querência
Como os pingos, quando chega o seu fim.

Depois de ter vivido dois mundos diferentes,
Vi que a cidade grande tem sua utilidade
Me serve pra estudo e alguma necessidade
E também me dá a opção
De um dia ter outra profissão
Que me traga a oportunidade
De subir na vida e fugir da cidade
Pra voltar e investir no meu Rincão.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: