Noite para afirmar o time

by

mascote_avai-sc
Praticamente 30% do campeonato brasileiro já foi disputado, portanto não se pode mais dizer que estamos no início da competição. E o Grêmio ainda não venceu fora de casa. Este é um dado relevante e é a única barreira que separa o Grêmio do G-4.

Das últimas 4 partidas o Grêmio ganhou 3 e perdeu 1. A continuar com esta campanha, o Grêmio é campeão brasileiro. Mas, para isso acontecer, necessariamente terá que obter resultados positivos longe da querência. Todo bom cavalo apura o trote na volta pra casa, mas também faz a lida bem feita no campo de fora.

No campo, como no futebol, se o índio cuidar só ao redor “das casa”, perde o controle e não consegue administrar. Portanto, olho no jogo de hoje. Quem quer ser campeão precisa ganhar dentro e fora do rancho. E tem que começar hoje!

E também é preciso acabar com expulsões ridículas como vêm acontecendo. Vontade de vencer sim, mas sem nervosismo. Maturidade e equilíbrio, como diria Tite, é o que falta para o Tricolor longe dos seus domínios

Acredito que a primeira vitória fora de casa dará tranquilidade e confiança ao time do Grêmio, pois o mau retrospecto longe do Olímpico está sendo a causa da angústia do grupo. Vencendo hoje, o Grêmio deslancha.

O Avaí, ao contrário do tricolor, não vai bem em casa: ao todo, soma 3 vitórias em 12 jogos, sendo que destas três, apenas uma foi em casa, contra o Fluminense. Perdeu na Ressacada para Botafogo e Palmeiras; empatou com São Paulo, Coritiba e Atlético/MG. É verdade que o time está em ascensão, que vive um bom momento, mas o retrospecto em casa não é favorável: 1 vitória, 3 empates e 2 derrotas.

Para finalizar, um trecho de uma música “Milonga Maragata”, composta por Francisco Luzardo / Tiago Cesarino e eternizada nas vozes de César Oliveira e Rogério Melo, para fazer brotar nos jogadores do Grêmio a alma peleadora farroupilha:

Sou herança de Maragato
A velha raça caudilha!
Tenho sangue farroupilha
Galopando em minhas veias
Nos arrancos de trinta e cinco
Andei trilhando coxilhas
Enredado nas flexilhas
Tramando aço em peleias

Anúncios

3 Respostas to “Noite para afirmar o time”

  1. mzerbes Says:

    Assanhaaaaaaaaaaaaaaado que nem lambari de sanga esse Guasca de Bonja…hehe

    A tendência é que o Imortal Tricolor vença, porém, o Avaí vem crescendo no torneio, uma vez que venceu suas duas últimas partidas. Sem o Grêmio não tiver jogador expulso, certamente ficará bem mais próximo da vitória que os catarinenses, haja vista a disparidade gritante de qualidade entre os dois times.

  2. junigol Says:

    São 21:29 da noite dia 23 de julho de 2009 e digo peremptóriamente:
    ” Grêmio não vai ser campeão nem a pau.” Quem não consegue nem ao menos empatar com o Avaí fora de casa vai levar tufo no resto do campeonato. Grêmio é um Pitbull em casa e um guaipeca (em tua homenagem Bartt, mais uma ótima coluna) sarnento fora dela.
    Só mais uma coisa: O Tcheco viajou para Florianópolis?

    • Gustavo Says:

      ahahaha… guaipeca sarnento foi ótima! e é a pura verdade. Graças a Deus eu não assisti nem ouvi o segundo tempo, mas dizem que o Grêmio tava mais perdido que cebola em salada de fruta!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: