Torneo Clausura da Argentina: Erro Crasso de Juiz Tira Título Inédito do Huracán e Vélez Agradece

by
Jogadores do Vélez Sarsfield agradecem à torcida. FONTE: Leo La Valle, Agência EFE

Jogadores do Vélez Sarsfield agradecem à torcida. FONTE: Leo La Valle, Agência EFE

O Vélez Sarsfield conquistou neste domingo o Torneo Clausura do Campeonato Argentino ao derrotar o Huracán por 1 a 0 em casa, na última rodada. O gol que garantiu o triunfo e o título foi de Maximiliano Moralez, aos 39 minutos do segundo tempo. Por tirar a camisa na comemoração, o jogador destaque da Seleção Sub-20 da Argentina acabou expulso. O goleiro Monzón, do Huracán, ainda pegou um pênalti de López aos 26 de jogo. Simplesmente inútil. O empate bastava aos visitantes para levar a taça, haja vista que tinha 1 ponto a mais na liderança do torneio. A partida no Estádio José Amalfitani, de propriedade do Vélez Sarsfield, foi marcada por muita confusão entre os jogadores, especialmente após o gol polêmico do Vélez e uma chuva de granizo, que obrigou a paralisação da partida ainda na etapa inicial. A equipe comandada por Ricardo Gareca foi campeã argentina pela sétima vez.

Maximiliano Moralez comemora o gol do título. FONTE: Jornal Olé

Maximiliano Moralez comemora o gol do título. FONTE: Jornal Olé

Um detalhe: o gol que deu o título ao Vélez, na minha humilde opinião, foi um verdadeiro assalto. Podem assistir o gol no vídeo abaixo e tirarem as suas dúvidas! O centroavante do Vélez desvia de cabeça a bola pra quem vem de trás, o atacante que passava às costas da defesa, na tentativa de arrematar o passe,  faz uma falta clamorosa e escandalosa no goleiro do Huracán – que fica se contorcendo em dores no chão – enquanto o meia-atacante Maximiliano Lopez pega o rebote da dividida e chuta para o gol vazio, com o goleiro adversário estirado. Absurdo! Erro gritante da arbitragem! Injustiça com o pequeno Huracán! O Huracán iria fazer história, tinha feito a melhor campanha do torneio tendo montado um time conciso, e bem estruturado taticamente, mesclando jogadores experientes às grandes promessas das suas categorias de base. O Huracán é um tipo de Coritiba-PR do Brasileirão, e não tem o peso político de um River Plate, um Boca Juniors, um Independiente de Avellaneda, o que equivale em termos de Brasil, a um Flamengo, um Corinthians, um Sâo Paulo. Todo um torneio bem jogado e trabalhado foi jogado por água abaixo. Todo um trabalho bem feito, de maneira dedicada entre direção, torcida, comissão técnica e jogadores foi destruído. E tudo em razão de um mau elemento chamado juiz de futebol. São esses erros (gize-se) imperdoáveis, que me deixam desiludido com o futebol. Um erro tão óbvio quanto o pênalti ocorrido em Germán Herrera nesta última quinta-feira, no jogo das semifinais da Libertadores entre Grêmio e  Cruzeiro-MG, no início do jogo. Isso é lamentável. Isso é triste. E isso precisa acabar logo! Sob pena de o futebol acabar, de seus defensores e amantes utópicos se desestimularem e abandoná-lo definitivamente. Dane-se a emoção e a realidade do jogo! Eu quero justiça! Eu quero um quarto e um quinto árbitro que tenham acesso às imagens do jogo em tempo real, que possam orientar o juiz principal a corrigir os seus erros, quando necessário. Se assim fosse, o Internacional-RS seria campeão brasileiro em 2005, o Grêmio seria campeão da Copa do Brasil em 1996, o Nacional/URU eliminaria o Internacional-RS na Libertadores 2006, o Santos seria campeão brasileiro em 1995, etc etc etc. O que fizeram com o Huracán acaba com a história, com os anseios e com o amor e o romantismo pelo esporte em todos as searas e sentidos. Me doeu na alma ver os jogadores e o torcedores do Huracán chorando e se lamentando de maneira desoladora. E o que mais dói: de maneira injusta. É como se o cidadão encontrasse a mulher que procurou a vida toda. Ela não é linda, ela é perfeita. Tem os olhos cintilantes que pediu a Deus, o corpo escultural digno das deusas da Era Grega, o sorriso avassalador que desconserta qualquer homem num simples tilintar de dedos, dentes mais brancos e brilhantes que as nuvens de um dia ensolarado, enfim, tudo que tanto sonhou na vida inteira. Você vai ao encontro dela, ela vem caminhando na sua direção bem lentamente, cada passo dela acelera cada vez mais o seu batimento cardíaco, e quando vocês estão por se encontrar, para dar aquele beijo até então inimaginável, estando diante dela, tudo se desfaz…e como se jamais tivesse existido…  Fica aquele sentimento de impotência. Aquele gosto amargo estigmatizado no peito. Algo que parece não ter cura. Chega de tanta injustiça no futebol! É hora de evoluir e esquecer o retrocesso que representa o conservadorismo desnecessário.

Tchüss!!

Anúncios

3 Respostas to “Torneo Clausura da Argentina: Erro Crasso de Juiz Tira Título Inédito do Huracán e Vélez Agradece”

  1. Roberto Ortiz Alves Junior Says:

    Olha, vocês sabem que eu brinco muito nos posts e adoro tiradas bem humoradas, mas vendo as imagens da torcida do Huracan, tambén senti um aperto no peito. Naquele momento certamente eles viram o quanto injusto o esporte pode ser pela influência humana.
    Uma falta de concurso de arbitragem. Aos 40 do segundo tempo. No estádio do Velez. Foi um assalto perpetrado pela arbitrgem.

  2. Gustavo Says:

    O Zerbes é o David Coimbra do blog!

    Mas, falando sério, a cara do técnico ao ver aquilo foi de deixar o cara triste. Cara, foi um assalto. Me solidarizo ao Huracán/2009, Nacional(URU)/2006, Grêmio/1996, 2005, etc…

  3. mzerbes Says:

    Bah, mas que BAITA elogio, tchê! Cheguei a ficar emocionado. O melhor elogio que já recebi em todos estes tempos de blogueiro. Muito grato, Dr. Bartt! Vindo de Vossa Senhoria, só posso ficar muito envaidecido. Ser comparado a David Coimbra foi algo…hehe

    Grande abraço!

    OBS: fiquei MUITO indignado com a injustiça sofrida pelo Huracán, talvez por isso, eu tenha adentrado com tamanha profundidade o sentimento experimentado pelos torcedores, dirigentes e afins.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: