Crise Vermelha?

by
Taison é cercado por Leonardo Silva e Marquinhos Paraná em jogo tumultuado que teve expulsos Lauro, do Internacional-RS, e Kléber, do Cruzeiro-MG.

Taison é cercado por Leonardo Silva e Marquinhos Paraná em jogo tumultuado que teve expulsos Lauro, do Internacional-RS, e Kléber, do Cruzeiro-MG.

Já são dois jogos sem vitória do Internacional-RS. Parece que “os galáticos versão brasileira” não são mais os mesmos. Por óbvio que estou ironizando. O clube gaúcho vem muito bem, só precisando levantar as taças dos torneios que vêm liderando para ratificar o seu favoritismo demonstrado até aqui. Sendo racional e imparcial, e nisso eu me espelho no folclórico Adroaldo Guerra Filho (o “Guerrinha”), sábio jornalista da Rádio Gaúcha e Diário Gaúcho, admitidamente colorado (eu no caso, gremista), temos de convir: o time vermelho não jogou bem ante o Coritiba-PR,vice-lanterna do Brasileirão 2009, e não jogou bem também ante o Cruzeiro-MG, podendo ter perdido este último se o árbitro tivesse expulsado devidamente o jogador Bolívar, após uma “míni voadora” aplicada no lateral-esquerdo cruzeirense. O time vermelho, todos sabem, é melhor que o Coxa e é melhor que a Raposa, mas portou-se como se não fosse. Aí que reside “certa veracidade” no título sarcástico que coloquei supra. Entendo que os vermelhos tenham jogado sem Nilmar, Kléber e D’Alessandro, todavia, o grupo é tão qualificado (com exceção da lateral-direita que é precária), que  as peças de resposição surtem praticamente o mesmo efeito que as originais. O ideal é manter a concentração e não dar chances ao azar, ainda mais em se tratando de reta final de Copa do Brasil. O treinador do Corinthians-SP, Mano Menezes, conhece bem o time gaúcho, e sabe os caminhos para vencê-lo. De outro lado, Adenor Leonardo Bacchi, o Tite, também conhece o time paulista, e conhece as fragilidades do time de Ronaldo Fenômeno. O video abaixo diz respeito à penúltima partida celebrada entre as equipes (Campeonato Brasileiro 2007, 12ª rodada), na qual os vermelhos golearam por 3 a 0 os paulistas. No jogo do returno, os gaúchos voltariam a vencer o time paulista, porém, por 1 a 0. Aliás, Tite ainda não sabe se escalará titulares ou reservas ante o Vitória-BA no próximo jogo do Campeonato Brasileiro. Eu colocaria os titulares, venceria bem o time baiano, me manteria na liderança do campeonato nacional e iria com moral para as finais da Copa do Brasil. O risco de jogar a sexta rodada do Brasileirão com os reservas é de perder a liderança, baixar a moral do grupo antes de pegar o Corinthians-SP e deixar dúvidas na cabeça do torcedor e dos próprios atletas (acostumados nos últimos jogos a vitórias até certo ponto fáceis) num momento tão importante do ano. Mas…Tite deve saber o que faz…

Tchüss!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: