sobre a rodada [12]

by

O Grêmio, mesmo jogando sem vontade, passou fácil pelo San Martín. Agora pega o Caracas. Porém, a grande notícia veio ao final da partida, quando Paulo Autuori foi confirmado como futuro técnico da equipe. Grande nome.

No Maracanã o Flamengo perdeu muitas chances de gol e ficou no empate sem gols contra o Inter. A equipe de Tite não teve uma boa atuação. Exceto nos cinco minutos finais. Quando criou algumas oportunidades de gol. Confronto aberto para a volta no Beira Rio.

O Corinthians fez 1×0 no Fluminense e podia ter feito mais. Porém, o time de Fred tem boas chances, se voltar a jogar bem, de eliminar o Timão. Confronto em aberto também.

Um duelo que já está decidido é entre Vasco x Vitória. 4×0 pro Vascão que está classificado para uma das semi-finais. Até o Paulo Sérgio fez gol.

2 Respostas to “sobre a rodada [12]”

  1. mzerbes Says:

    Autuori enfim chegará ao comando gremista na próxima segunda-feira. Agora o time terá uma REAL evolução técnico-tática. Espero que ele implemente o seu esquema preferencial (4-4-2), retirando Fábio Santos e Rafael Marques do time, e colocando em seus lugares Jadílson e Túlio. Ah… se o Alex Mineiro mostrar o seu futebol, Jonas é reserva. Aguardem um post especial na minha volta ao blog, em relação ao próximo adversário gremista, o Caracas/VEN…

  2. Gustavo Says:

    Fecho com o blogueiro-comentarista Zerbes no que tange ao sistema tático. Ontem, era injustificável a presença de Thiego (foi muito mal na minha opinião). Eu começaria o jogo com Túlio no lugar dele, no sistema 4-4-2. E com Herrera desde o início, no lugar de Jonas (cada vez que ele pegava na bola eu já pensava: não vai dar em nada – me equivoquei no lance do gol).

    Em relação ao Jadílson, é incrível a superioridade ofensiva dele em relação ao Fábio Santos. Mas também não se pode negar que o lado esquerdo defensivo ficou desprotegido. Assim, achei certo ele ter entrado durante o jogo. Considero uma boa opção para o banco. Mas lateral tem que ser equilibrado entre defesa e ataque.

    Por fim, com o Grêmio no 4-4-2, eu trocaria no intervalo o Tcheco por Douglas Costa. Ontem era jogo pra ele! E o Rospide poderia ter colocado o guri. Fez só duas alterações. Se não colocar o Douglas em jogo fácil como o de ontem, corre-se o risco de queimar ele num jogo decisivo. Pra mim, esse foi o grande erro do Rospide. Ao (re)formatar o Grêmio no 4-4-2, tinha que tirar o Tcheco (que já estava tropeçando nas pernas) e colocar o Douglas. Ainda mais num jogo decidido, no qual o piá entraria comendo grama de vontade de mostrar futebol.

    Mas, tirando isso, PARABÉNS ao Rospide, que mostrou conhecimento e competência, com 100% de aproveitamento no principal campeonato do Continente. Isso não é pouco!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: